‘Justiceiro’ se revolta com assalto, mata bandido e deixa outro baleado

‘Justiceiro’ se revolta com assalto, mata bandido e deixa outro baleado

03-10-13 – Um terceiro suspeito conseguiu fugir; o autor dos disparos não foi identificado…

corpo

Um atirador misterioso ficou revoltado ao ver três suspeitos de um assalto fugindo após o crime e efetuou vários tiros contra eles. O fato inusitado foi registrado nesta segunda-feira (02), em Colombo, região metropolitana de Curitiba.

Com a ação do homem – ainda não identificado – um suspeito morreu, outro foi baleado e um terceiro conseguiu fugir, de acordo com as informações da Polícia Militar, repassadas ao portal Banda B.

Ainda conforme a polícia os três homens teriam praticado um roubo a uma distribuidora de bebidas. A polícia já investiga o caso e tenta descobrir a identidade do “justiceiro misterioso”.

Fonte: https://cgn.uol.com.br/noticia/66558/justiceiro-se-revolta-com-assalto-mata-bandido-e-deixa-outro-baleado

 

10 comentários

ate eu se estivesse armado inlegal (como se fosse facil legalizar né) não ficaria olhando e reagiria ao ocorrido é lamentaveu fugiria para não toma perpetua.

Se a Policia nao pode agir pois o governo defende bandidos e prende gente honesta ,entao quem tem arma e ver um assalto e nao houver perigo de atingir inocentes entao sentao o aço ,parabens ao atirador

Essa moda tem que pegar. Bandido bom é bandido morto. E se não tem como legalizar a arma, por causa da burocracia desse país, tem que atirar e ficar no sigilo mesmo.

Exatamente, os ladrões são perigosos, o cara que nos livrou de um bandido(pena não ter sido os três) esta sendo procurado, porque de quem faz o certo a policia não tem medo.

Se a população se preparar e reagir nós diminuiremos o indice de criminalidade.O Governo è bandido e nâo esta cumprindo com seu dever constitucional de garantir nossa segurança e liberdade.A nós cabe o DIREITO E A OBRIGAÇÃO DE SOBREVIVER, NÃO AO GOVERNO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *