Arquivo do blog

Breve história do desarmamento, parte 1: O Japão pré-imperial.

giaconi-small
Luiz Giaconi é empresário, escritor e jornalista formado pela faculdade Cásper Líbero; Pós-Graduado em Política e Relações Internacionais pela FESP-SP.

Através dessa série de textos pretendo recontar ações de desarmamento através da história, os motivos que levaram determinados povos a fazer essa escolha e mostrar suas consequências, muitas vezes inesperadas e desastrosas. Desarmamento não é uma iniciativa nova, e os casos do passado servem, muitas vezes, como lição para o presente e para o futuro.

O caso japonês

As primeiras armas de fogo foram introduzidas no Japão aproximadamente em 1270. Devido à proximidade das ilhas japonesas com a China continental, os japoneses foram introduzidos à pólvora e a armas de fogo rudimentares antes dos europeus. Essas armas chamavam-se teppos: canhões simples e pequenos, sem gatilhos ou miras, municiados pela boca. Por possuírem baixa eficiência, esses canhões eram relativamente pouco usados. Para longas distâncias, o arco era a arma favorita das tropas.
Leia o artigo completo »

Pelé, caçador e pescador em 1962

Pelé é provavelmente o cidadão mais fotografado em todos os tempos. A Kodak, por exemplo, uma vez tentou contabilizar o número deimagens do ex-jogador, percebeu se tratar de uma tarefa impossível e desistiu da empreitada…

Leia o artigo completo »

Tirar o porte é mais simples do que você pensa

Confiram um anúncio da década de 90, quando o Brasil era mais seguro e mais livre

 

32CE4EF9-D7D2-4DCC-928F-6D7FF02CA248-1029-000001400A4D3639_zps849de307

As armas de Hitler

Leia o artigo completo »

Guerra da Independência do Brasil

Ao contrário do que muitos chegam a imaginar, a proclamação de independência do Brasil não foi comemorada por todas as províncias que receberam a notícia. Depois da proclamação, o imperador Dom Pedro I teve grande trabalho para conter as várias revoltas que ocorreram contra o processo de independência. Contudo, como seria possível que em algumas regiões do país os laços coloniais fossem defendidos de tal forma?  Leia o artigo completo »

Camboja, 1975

O exército Khmer Rouge, liderado por Pol Pot, tomou o poder do país.

De 1975 a 1977, 1 milhão de cidadãos foram exterminados pelo governo simplesmente porque eram alfabetizados.

Camboja
Leia o artigo completo »

União Soviética, 1918

Aprovado um decreto que obrigava a todos os civis entregar todas as suas armas e munição ao governo.

De 1929 a 1953, 20 milhões de dissidentes foram exterminados pelo regime comunista.

União Soviética, 1918
Leia o artigo completo »

Turquia, 1911

O país proíbe armas de fogo.

De 1915 a 1917, 1,5 milhão de pessoas são mortas no chamado “Genocídio Armênio”, ou “Holocausto Armênio” (o segundo genocídio mais estudado, depois do Holocausto dos Judeus, na segunda guerra mundial).

Turquia, 1911

Leia o artigo completo »

Canadá, 1977

Depois de aprovada uma lei que proibia armas de fogo no país, a taxa de invasão de residências aumentou 25%.
Canadá, 1977
Leia o artigo completo »

Orlando, Flórida, 1966

Ao vivenciar uma onda crescente de estupros, o município ofereceu treinamento com armas de fogo para as suas cidadãs.
Em um ano, o número de estupros reduziu 90%.
Orlando1966
Leia o artigo completo »