Pistolas “disparando sozinhas” ou criação de massa de manobra?

Análise cética dos fatos envolvendo as pistolas 24/7 da Taurus.

24-7

Muitas pessoas nos enviaram uma notícia publicada recentemente relatando um suposto “recall” de 98 mil armas pelas Forjas Taurus, especificamente no modelo 24/7 vendido a diversas Polícias Militares no Brasil. Achei estranho, pelos seguintes  motivos:

Primeiro: Esse era um boato muito velho, já havia se falando isso há meses entre os atiradores.

Segundo: Eu já havia testado diversas 24/7, inclusive da própria Polícia Militar, e nenhuma havia apresentado os problemas relatados (rajada), por mais que eu insistisse. Afinal, se alguém tivesse uma pistola que, por defeito, estivesse disparando rajadas, eu seria o primeiro a fazer uma oferta de compra.

Terceiro: Onde estão os feridos, onde estão as outras 97.999 armas com rajada, onde estão os incidentes de tiro? Por que a Taurus não se manifestou?

Em primeiro lugar, cabe frisar, antes que alguém levante a hipótese, que a DEFESA.ORG não recebe nenhum centavo das Forjas Taurus nem de nenhuma outra empresa do setor, infelizmente! Assim, não temos nenhum vínculo profissional ou financeiro com essas empresas e, portanto, não temos interesse em divulgar nada que favoreça qualquer empresa em detrimento de outra. Apenas desejamos ver esclarecida uma história muito mal contada pela mídia.

Se você não viu a matéria original, assista agora clicando aqui.

Procurei entender melhor o que estava acontecendo e entrei em contato direto com a Taurus e com alguns amigos Policiais Militares, especialmente depois de ver a matéria publicada pelo R7, em 17 de Setembro de 2013:

Conforme o profissional no vídeo aponta, a origem dos problemas nestas armas parece estar ligada não ao projeto ou ao fabricante, mas às péssimas condições de manutenção e à desmontagem/montagem por pessoal não capacitado. Informamos por diversas vezes no site que a desmontagem das armas acima do primeiro escalão só deve ser feita por armeiro capacitado, exatamente para evitar este tipo de problemas. Isso se aprende em curso básico de tiro, assim como a testar o armamento todas as vezes antes de ir para a rua.

Confira a lista de armeiros capacitados cadastrados na Polícia Federal.

Então, vamos a algumas considerações sobre o ocorrido:

1. A Taurus não vai fazer recall de 98 mil armas. Por que a notícia afirma isso? Qual é a fonte dessa notícia?

2. Por que essa notícia só foi veiculada exatamente agora, se os problemas, de acordo com o próprio militar apresentado, acontecem desde 2011?

3. Por que as matérias do SBT e do R7 são tão distantes quanto às afirmações? Embora as unidades federadas sejam diferentes, a arma é exatamente a mesma, não é?

4. A quem interessa publicar uma notícia que faz parecer que as armas são ferramentas perigosíssimas e que podem – facilmente – causar acidentes?

5. No caso da reportagem da R7, se o próprio militar disse que as falhas foram causadas pela má manutenção, por que a conclusão do vídeo tenta levar os entrevistados a dizerem que as armas são perigosas?

O objetivo deste artigo não é defender ou acusar a Taurus, mas sim colocar em cheque algumas afirmações que vêm sendo feitas e repetidas até mesmo por atiradores considerados “experientes”.

As perguntas permanecem sem resposta – apesar das muitas especulações sem provas -, mas talvez agora o leitor possa refletir melhor sobre o que vem acontecendo por trás das cortinas do jornalismo brasileiro.

Pense bem, não seja a massa de manobra.


Publicado em Notícias
71 comentários sobre “Pistolas “disparando sozinhas” ou criação de massa de manobra?
  1. Wagner Alves disse:

    Eu utilizo uma .40 24/7 Tauros e já ouvi e vi algumas fotos de acidentes causados por disparos acidentais (pelo menos é isso q esta no papel). A minha passou pelo tal recall, no documentou que voltou falava em troca da mola recuperadora, mas pelo pouco que entendo de armas acredito que uma mola RECUPERADORA não é capaz de fazer uma arma disparar sozinho, mas enfim. Pra mim foi uma forma do Estado se resguardar em algum caso de ”defeito” na arma. É claro que exitem outras pistolas com qualidade superior a 24/7, mas ainda assim é uma boa arma.
    Nos resta a duvida pq o GOVERNO ESTADUAL decidiu comprar uma arma de uma fabrica AMERICANA e não da IMBEL ? Isso não só no caso das pistolas, mas das FAMAE .40 e Carabina CT30.

  2. OSCAR ALVES disse:

    Muita calma, antes de dizer que se trata de pura “massa de manobra”, quando assisti à reportagem no Jornal do SBT, imediatamente me veio a imagem de uma Pistola da mesma fabricante que estava sendo testada, de outro modelo ao mostrado, que disparou vários projéteis em sequência sem o acionamento do gatilho, quase como uma sub-metralhadora, e testando outras foram constatados os mesmos disparos. Este fato levou o órgão a fazer a devolução de todo um lote, com um relatório de que as mesmas estavam reprovadas para uso das forças policiais. Não vou dar nomes, mas, eu vi e nunca tinha ficado tão assustado em minha vida de praticante de tiro, eu pensava que seria somente naquele lote, mas, como vi na reportagem pode ser pior a situação, para mim não foi uma “manobra” e sim um “deja vu”.

  3. Luiz Fernando Tressino disse:

    Reportagem totalmente tendenciosa. Várias falhas são verificadas durante a reportagem, como o fato de não divulgar o nome do tal “técnico” autorizado pelo DPF, que tem seu parecer veiculado na reportagem. Porém, o que mais chama a atenção é o “repórter”, que certamente entende muito pouco de armas, ao disparar a pistola, querer vender como defeito o travamento do ferro após o ultimo cartucho ser disparado. Vê-se claramente o elevador do carregador, através da janela de ejeção. Ainda, após tanto tempo de uso, num universo de 98 mil peças, não há nada mais normal. Me parece que o caso é de falta de algo, que no brasil, não faz parte da cultura da maioria dos brasileiros, o chamado, plano de manutenção preventiva. Com toda máquina de precisão, armas devem passar por periódicas manutenções preventivas a fim de serem substituídas as peças que sofrem desgaste natural pelo uso, de modo a manter o funcionamento normal e evitar acidentes. Exatamente o que deviria ter sido divulgado na notícia, a ocorrência de acidentes e não de algo premeditado pelo fabricante. Me parece que estão tentando desacreditar a Forjas Taurus, que me conste, é uma empresa brasileira, Gaúcha com filiais por todo país e com uma subsidiária nos EUA. A maior fabricante de armas da América Latina.

    • nilton disse:

      nunca ouvi tanta besteira como no sei comentário, sou instrutor de tiro em são paulo e presenciei uma pistola 24/7 nestas condições na escola de soldados da PMESP e não foi por falta de manutenção ou mal uso. Quanto ao fato que é normal entre 98 mil peças haver uma ou outra com defeito, vá dizer isso ao policial que matou um adolescente e está preso ou pra mãe desse garoto. só pra constar e não ler tanta besteira,na pm de são paulo os acidentes já beiram os 300.

    • Graciela disse:

      Manutenção preventiva? Em armas nova?

  4. marcelo silva disse:

    98 mil armas a um custo de 2,500 por arma mais 70% de superfaturamento para distribuiçao entre corruptos e oportunistas daria aproximadamente 500 milhoes de reais.

    podem bater o martelo.

    • Carlos eduardo disse:

      2500? 1700 sendo que ainda existe a facada de impostos, pesquise corretamente, obras tem margem altas e vao para corruptos armas no brasil é uma grande fonte de impostos e nao de propina…

  5. Aaron disse:

    A Taurus adquiriu uma certa notoriedade no mercado exterior por ser de qualidade duvidosa, inúmeros casos de falhas e problemas foram reportados em diversas das armas produzidas pela companhia. Os problemas mencionados, são perfeitamente plausíveis e de fato acontecem sob certas circunstâncias. A arma entra em “modo rajada” devido a falhas na fabricação do disjuntor ou de outras peças no conjunto do gatilho, também tornando-a sensível a movimentos bruscos. Não é de se duvidar nem por um momento que armas Taurus falhem das maneiras descritas.

    Também, não vejo o benefício de se criar uma “massa de manobra” com tais afirmações, afinal denotam somente que a Taurus falha como fabricante, não que armas são “perigosas em geral”.

  6. Aaron disse:

    A Taurus adquiriu uma certa notoriedade no mercado exterior por ser de qualidade duvidosa, inúmeros casos de falhas e problemas foram reportados em diversas das armas produzidas pela companhia. Os problemas mencionados, são perfeitamente plausíveis e de fato acontecem sob certas circunstâncias. A arma entra em “modo rajada” devido a falhas na fabricação do disjuntor ou de outras peças no conjunto do gatilho, também tornando-a sensível a movimentos bruscos. Não é de se duvidar nem por um momento que armas Taurus falhem das maneiras descritas.

    Também, não vejo o benefício de se criar uma “massa de manobra” com tais afirmações, afinal denotam somente que a Taurus falha como fabricante, não que armas são perigosas em geral.

  7. Ten Cel PMDF Leonardo Sant'Anna disse:

    Senhores membros do http://www.defesa.org,

    Agradeço a oportunidade de manifestação dada pelo sítio eletrônico. O vídeo em lide é de treinamento realizado em unidade da PMDF em que sou o gestor principal.

    Porém esclareço que os vídeos são legítimos e os profissionais do Batalhão de ROTAM, os quais comando, não levaram para o estande de tiros armas com condição de manutenção duvidosas. Por favor não nos rotule. A arma não fora jamais utilizada. Foram os primeiros disparos.

    Componho, contudo, juntamente com os senhores, que não deve haver um direcionamento da informação, por parte de quem quer que seja. Isso é um fato. Tenho a Taurus como uma empresa séria que, em nenhum momento, deixou de nos dar suporte. Todavia nós também estranhamos o comportamento da arma, ressaltando que as ilações não vieram de nossa parte.

    Estamos prontos para posteriores esclarecimentos, caso hajam.

    Ten Cel PMDF Leonardo Sant’Anna – Comandante do Batalhão de ROTAM

    • Ademir disse:

      Sou SGT. da Policia Militar de Pernambuco, trabalho no interior do Estado e minha Arma é uma pistola é uma 24/7 PRO CAL .40, Queria saber se foi algum Lote Específico, ou é em todas? Desde já agradeço se alguém poder me ajudar. Att. 3ºSGT PM ADEMIR.

      • Lucas Silveira disse:

        Olá Sargento, bem-vindo.

        Acredito que o sr. seja a melhor pessoa possível para responder a sua pergunta. A sua 24/7 está disparando sozinha?

        Sempre sugiro a quem tem dúvidas que leve a arma a um armeiro para que ele faça uma avaliação.

        • Patrick disse:

          Primeiramente digo que não é nada prudente banalizar um defeito em uma arma de fogo, principalmente uma que está nas mãos de milhares de policiais em todo o país.

          Sou Delegado da PCPE e posso afirmar que incidentes com a 24/7 são verdadeiros sim.
          Aqui utilizamos o modelo 24/7 PRO DS.

          Em 2012, um de meus agentes, estava realizando o procedimento de desarme (DECOCK) utilizando a tecla de trava/desarme quando sua 24/7 disparou, mesmo estando travada, uma vez que a posição de decock é posterior ao travamento.
          Eu ouvi o disparo e ainda presenciei a arma com o ferrolho semiaberto e emperrado, estando a tecla de trava levantada.
          Por sorte, ninguém se feriu.

          O armeiro da PCPE, ao realizar a troca da pistola por outra nova, nos informou que um lote mais antigo das 24/7 estava apresentando defeito na trava do percutor, ocasionando incidentes como aquele.

          A primeira 24/7 a mim acautelada, apresentou defeito na tecla de trava/desarme, que parecia estar empenada, bem como na armadilha do percutor (peça que deixa a arma em ação simples).

          Não esperei um acidente ocorrer, levando-a logo ao setor responsável pelo armamento, onde ela foi substituída por outra de um novo lote (já com mira igual à da 840 e carregador alongado que resolve o problema de só caber 14 munições). Segundo o armeiro, essa que recebi não apresenta a falha do percutor, pois já foi feita a correção.

          Além desses defeitos graves, outra coisa que não dá para entender: como pagar por uma arma que deve ter capacidade de 15 munições em cada carregador que na verdade só cabiam 14 por erro de fabricação? Só no Brasil. Nessa situação os Estados deveriam exigir a correção do problema (que foi implementada em lotes posteriores com o redesenho da base do carregador) ou a devolução das armas.

          Deveria ter havido realmente um recall dessas armas, pois são muito perigosas se não estiverem sendo seguidas as técnicas de segurança de manuseio no momento em que a falha se apresentar.

          As armas da TAURUS são boas, mas deve-se exigir os mesmos parâmetros de qualidade que ela aplica nos produtos vendidos no exterior.

          Considero um verdadeiro absurdo as polícias brasileiras se submeterem assim à TAURUS, que nos usa como campo de teste para vender produtos de qualidade no exterior.

          Depois desse incidente redobrei a vigilância em minha equipe e demais colegas, orientando-os a NUNCA MANTER A 24/7 COLDREADA EM AÇÃO SIMPLES, bem como SEMPRE REALIZAR O PROCEDIMENTO DE DECOCK NA CAIXA DE AREIA OU OUTRO LOCAL E DIREÇÃO SEGUROS.

          • Leonardo Sant'Anna disse:

            Depois que me neguei a dar uma entrevista mentindo (e dizendo que os policiais que usaram as armas do Batalhão de ROTAM da PMDF haviam mexido nas 24/7) a coisa ficou ruim para o meu lado. O problema é como vêem o profissional de segurança no Brasil e a consequente política de negócios que uma empresa pratica. Um dia teremos uma empresa que se comprometa com a defesa do cidadão e do policial e não com seus lucros (ou dívidas/bancarrota). Eu creio.

  8. Herbert disse:

    Eu não uso Taurus nem a pau, é a marca que mais tem reclamações. Por isso optei por usar Beretta, Colt e Glock. Nacional não quero nem de graça, é o que da essa marca copiar modelos, mas nunca faz igual. Falta de originalidade da nisso, é a mesma coisa que comprar algum produto fabricado na china, ou seja… falsificado. Imitação não dá né gente, vamos comprar originais. Um exemplo é a Taurus PT 90, que é a imitação da Beretta 92fs, só que se tratando de qualidade, a Taurus não chega nm perto da Beretta. Bora parar de usar pirata, compre original!!

    • Herbert disse:

      Só corrigindo, é a Taurus PT 92 e não a PT 90. Quando a Beretta tinha contrato com o exército Brasileiro, ela montou a fábrica aqui no Brasil, onde eram fabricadas as pistolas 92fs de uso do Exército. Quando o contrato foi cancelado, ela vendeu sua fabrica surgindo assim a Taurus. Que de incio manteve os projetos existentes como a 92fs, mas fizeram modificações na PT 92, que passou somente a ser a aparência igual, mas o seu sistema foi alterado, e com isso houve a perda de qualidade. Taurus há muito tempo vem perdendo a credibilidade no mercado, seja nacional e internacional. Hoje mesmo nos Estados Unidos existe a discussão sobre as Armas Taurus, e muito não as recomendam mais. Pois passaram a ser armas inseguras, das quais coloca em risco até mesmo a vida dos que a utilizam. Eu havia comprado uma Taurus PT 92 Nickel, pois eu queria uma 9mm Parabellum. Mas eu me arrependi, começou a dar problemas e a fabrica nunca atendeu minhas reclamações de modo a solucionar o problema. Então eu simplesmente a destruí e comprei uma Beretta 92fs, e não tive problema algum com ela até hoje, e a conclusão que tiro é que Taurus não presta e que nunca mais irei comprar um modelo nacional. Assim como tenho uma Colt 1911 e Uma Glock 17.

      • Rodolpho Villas Boas Neto disse:

        Eu confio na Berreta na CZ na Nossa Nacional Imbel porem quanto a Glock ela não me inspira confiança ja ouvi muitos casos de que ela Estourava nas Mãos dos Atiradores Dispava Acidentalmente etc…. ainda não comprei minha arma pretendo comprar depois de Botar meu CR em dia gostaria de mais respostas

    • Genilson disse:

      Caro colega, entendo e concordo com sua idéia de que existem armas muitos melhores do que as comercializadas aqui no Brasil, aliás, isso é unanimidade, a questão é que para defesa ou uso policial, nós só temos acesso a armas nacionais, a não ser que você esteja falando de calibre permitido, pois armas de calibre restrito não podem ser importadas, graças a uma portaria do EB.

  9. Lucas Germano disse:

    O interessante é que a CZ vai abrir uma fábrica em Santa Catarina, teria relação com os boatos das falhas em modelos como Pt24/7 e Pt840?

  10. Joaquim Honorato Neto disse:

    Sou um dos responsáveis pelas publicações e coletas de reclamações de Policiais que foram vitimas de disparo acidental desta arma, pois bem existe casos concretos caso tenha duvida peça informação para a PM, existe um documento oficial onde aponta que realmente existe um problema, e curiosamente só passaram a ocorrer com a aquisição das armas, digo não são todas que apresentaram problemas mais a grande maioria, e mais a manutenção de primeiro escalão todo policial pode fazer, quanto a de segundo escalão essa realmente nos meus 4 anos com uma 24/7 pro nunca passou por tal manutenção e apresentava problemas quando se carregava com o carro aberto fechando sem ser acionada com uma munição pronta para disparo. Quando a estarmos ganhando algo de outra empresa para falar sobre os casos isso é falso muito pelo contrario nunca ganhamos nada de nenhuma fonte a questão é a proteção do policial que as manuseiam e da população, temos os casos de disparo acidental, temos documentos que relatam o defeito, e temos informações sobre a compra sem licitação das armas e sem os testes de segurança. E para lembrar essas armas são usadas diariamente por policiais dia e noite com sol e chuva por anos e anos sem manutenção de segundo escalão como noticiado que ocorre. o Policial trabalha de 12 a 24 h por turno e mais o trajeto que faz até sua casa e trabalho isso leva em média mais 3 horas de viajem então de 15 a 29 h com a arma exposta ao tempo, e durante o serviço movimentada por diversas vezes.

  11. murilo disse:

    meu caro amigo…assim como os tabletes das viaturas…que nunca funciona…belas porcarias… alguem ta e vai ganhar muito dinheiro com isso… armas novas… troca de fornecedor… muitos irao ganhar dinheiro com isso… infelizmente o Brasil é assim…

  12. André D disse:

    Que bela porcaria de reportagem a vinculada pelo SBT, ninguem reparou que a arma fica aberta após o tiro por qe acabou a munição??? caramba que manipuladores F.D.P.

    Trabalho com diversas pistolas Taurus, tanto Pt 92 como 24/7 e nunca vi nenhum relato como o vinculado pelo sbt, já o do R7 percebe-se que é um erro ocasionado pelo desgaste/manuseio inadequdo da PST

  13. Diogo disse:

    Se não vai fazer recal porque a Arma de um conhecido proximo ficou 10 dias para manutenção, ele tendo que pegar arma reserva, e porque recentemente um Policia da Força Tatica do 1BPM/M a arma disparou sozinha ferindo a perna dele… É mais fácil culpar o Policial por erro, do que assumir erro de produção, e só saberemos se realmente (certeza que tem) defeito se forem testadas as 98 mil armas…

  14. PAULO ROBERTO DA SILVA MOURA disse:

    Durante o tempo em que faço uso das Pistolas Taurus tive realmente problemas com a PT 100 90 e 24/7. Não compraria nenhuma delas com meu dinheiro.É por isto que a Policia Federal quando mudou em 2006/2007 para a Glock foi um alarde hoje todos estão totalmente satisfeitos com a decisão tomada na época. As PC e PM de todo Brasil deveriam se impor e pedir também a Glock cal 40. Este é o meu ponto de vista.

  15. PAULO ROBERTO DA SILVA MOURA disse:

    Durante o tempo em que faço uso das Pistolas Taurus tive realmente problemas com a PT 100 90 e 24/7. Não compraria nenhuma delas com meu dinheiro.É por isto que a Policia Federal quando mudou em 2006/2007 para a Glock foi um alarde hoje todos estão totalmente satisfeitos com a decisão tomada na época. As PC e PM de todo Brasil deveriam se impor e pedir também a Glock cal 40. Este é o meu ponto de vista. Estão dizendo que já fiz tal comentário é falso pois é a primeira vez que me refiro ao problema apresentado pela reportagem.

  16. mauro disse:

    Em 2004, a PF comprou pistolas TAURUS 24/7 para instrução na Academia Nacional de Polícia.
    TODAS QUEBRARAM NO PRIMEIRO MÊS do curso de formação.

    Por sorte, a PF conseguiu comprar pistolas GLOCK para todo o seu efetivo.

    Deveria ser assim em todas as polícias. Não se brinca com a vida dos servidores.

  17. Leandro disse:

    Sou PC e uso uma PT 840 para trabalho. Pistola nova com menos de 300 disparos efetuados, sendo que essa semana ao limpar e depois de montá-la, a ponta do percursor quebrou!!! Ao acionar o gatilho a arma cuspio um pedaço do percursor. Resultado, após municiada a arma não dispara mais. E ai amigos… como confiar na Taurus? Depois desse e tantos outros defeitos relatados sobre as armas Taurus, só andando com outra arma sobressalente pra trabalhar!

    • Carlos eduardo disse:

      procurou a garantia? tenho certeza que trocarao se precisar te dou as dicas, teve um lote de 840 que todas trocaram percussor, foi um problema que a Taurus assumiu e trocou sem custo.

      • Patrick disse:

        Reparar o defeito não isenta o fabricante de responsabilidade.

        Colocar um armamento no mercado sem os devidos testes de eficiência e resistência é extremamente grave.
        Acontecer em uma ou outra pode ser até aceitável, mas em grandes lotes (normalmente os primeiros que chegam ao mercado)demonstra o descaso com o qual a TAURUS trata seus clientes.

        Uma arma é entregue para um agente de segurança do Estado para proteger sua vida e a da população. Não é aceitável um lote inteiro apresentar defeito pondo em risco a vida de milhares de pessoas, sejam elas policiais ou não.

        A única forma de eu entender o porquê disso acontecer é o pagamento de propina aos funcionários públicos responsáveis pelos testes e escolha dos armamentos para aquisição pelos estados.

        Se os testes fossem sérios como os da PF essas armas com DEFEITOS GRAVES NUNCA SERIAM ADQUIRIDAS.

        Não estou entendendo tantos comentários TENTANDO JUSTIFICAR FALHAS TÃO ABSURDAS DA TAURUS QUANTO AS RELATADAS AQUI.

        VOCÊS SÃO FUNCIONÁRIOS DA EMPRESA OU ESTÃO FORA DE SI?

        • Jota disse:

          Defendendo assim com unhas e dentes creio que são patrocinados pela empresa sim, todas vez que têm algum artigo desqualificando a taurus esse defesa está no meio defendendo

  18. Carlos eduardo disse:

    Todas armas pode ter problemas, mas um deles é entregar na mao de pessoas com pouco treinamento armas sem Cao, pq todos as forças armadas mundiais so usam pistolas com cao para a tropa comum?

    Outras marcas tbm tem problemas
    http://miami.cbslocal.com/2013/05/13/report-raises-concern-about-glock-handguns/

    http://blog.gunlink.info/2013/08/22/smith-wesson-mp-shield-safety-alert/

    Springfield, HK com as USP com ferrolho rachado.

    • Carlos disse:

      Seu comentário ja faz muito tempo eu sei, mas quero dizer que na mesma matéria que descreve falhas no percussor das Glocks em um caso bastante restrito em miami, também diz que a epóca mais de 65% das policias dos EUA utlizavam a Glock logo duvido ser duvidosa a despeito desse pequeno defeito que diga-se de passagem era em armas apenas para treino portanto exaustivamente utilizadas. Assim como ocorreu com u DPF aqui no Brasil, onde armas da Glock apresentaram um defeito simples mas como foi no caso citado por vc, em armas de treino com mais de 10 mil disparos que ja deveriam ter passado por manutenção.

  19. Leandro disse:

    O problema não é a garantia ou a troca da peça, e sim a qualidade delas e da própria arma. Depositamos uma confiança na arma… E quando precisar usar ela que esteja apta ao uso, mas com a Taurus, não se tem essa confiança.

  20. Gabriel disse:

    Eu não sou policial (ainda, pois estou a ponto de ingressar na PMPR), e tenho uma dúvida muito simples a qual gostaria que fosse respondida por alguém que entenda do assunto.

    Se as armas da taurus são tão problemáticas assim, qual seria a pistola ideal para uso fora de serviço?

    Certa vez li no blog “abordagem policial”, relatos de policiais civis que estavam adquirindo pistolas glock g25 (380) para uso pessoal, justamente por não confiarem nas pt100 e 24/7.

    De fato, seria muito interessante se o governo permitisse que as forças policiais tivessem acesso a outras “marcas”. Glock, HK, Beretta, e assim por diante.

    Não vou nem me aprofundar na questão de melhoria na qualidade induzida pela concorrência. Isto é um fato amplamente conhecido, que a medida em que as empresas se deparam com concorrentes “melhores” acabam sendo forçadas a melhorar a qualidade de seus produtos.

    A Glock já tentou vir para o Brasil (mas o lobby não deixou), o que teria sido muito interessante. Agora com a chegada da CZ, a glock voltou a manifestar interesse em vir pra cá.

    • Patrick disse:

      Gabriel, sou policial há 12 anos e tenho duas armas pessoais, um revolver e uma pistola, ambas da TAURUS. Estas estão comigo desde então, nunca me deixaram na mão e confio nelas.

      Contudo, os novos modelos de pistolas da família 24/7 que introduziram os sistemas de disparo em AÇÃO SIMPLES E DUPLA/SIMPLES têm alto índice de falha e requerem muito mais cuidado e habilidade para seu manuseio.

      Sugiro que pesquise e principalmente TESTE os modelos que lhe interessarem antes de adquirir uma arma para uso pessoal.

      Na dúvida, compre um bom e confiável revolver, que tem baixíssimo índice de falha. Além do mais, na maioria das situações de defesa pessoal não se dispara mais de dois tiros. O que 5/6 munições de um revolver não resolverem, dificilmente as 15 de uma pistola resolverão.

  21. João Evangelista disse:

    Há relato de algum problema com a PT840?

  22. Rodolpho Villas Boas Neto disse:

    O Grande problema do Brasil é o Monopólio referente as Armas desde a era Vargas . as Munições so podem ser Fabricadas pela CBC as Unicas fabricantes de Armamentos por causa das famigeradas restrições acabam fabricando mais Martelos Facas e Capacetes do que aquilo que eles Deviam Fabricar que são Armas de Fogo Taurus Imbel e CBC no Brasil são muito poucas deviam ter varias Fabricas de Armas no Brasil em Todas as Regiões Não só concentradas em Porto Alegre RS e Itajuba MG e no Interior Paulista de Onde vem as Munições CBC

    • graciela disse:

      Disparar sozinha, definitivamente não acontece com a Glock. Com a Taurus já vi acontecer várias vezes, durante um teste só.
      A arma explode quando a recarga é de má qualidade, excesso de pólvora, ou obstrução no cano…

  23. Policial Militar disse:

    Já tivemos esse problema e EU VI a arma dando rajada… isso foi na cia de CHOQUE. Tá filmado e tudo. e não foi nada de manutenção… a arma foi enviada para trocar uma peça que veio com defeito!

  24. Hudson Pinheiro disse:

    Srs. da Defesa.org,

    É uma piada, um fiasco as armas da taurus. Aqui mesmo tivemos um caso concreto, quando um colega PM ao receber sua arma (24/7 PRO) municia-la e carrega-la num primeiro movimento da arma ela disparou sozinha. Estou falando de uma arma nova tirada do case. A taurus é lixo eé fato, mas como existe uma arma perfeita em favor da taurus(lixo) que é o LOBBY, ela esta pouco se lixando se policiais perdem seu emprego e presos ficarão, além é claro das mortes de inocentes.

  25. waldir monteschio disse:

    Olá amigos amantes do tiro e de armas.
    NÃO é armação de massa de manobra não.
    Eu utilizo uma PT24/7 .38superauto (tiro esportivo), e a mesma apresentou varios defeitos,tais como: carregador se solta da arma durante seção de tiro; dispara na alimentação após inserção do carregador e acionamento do retém do ferrolho;dispara com leve impacto no corpo da armas. (pode estar travada que nao adianta;o estojo não é ejetado, fica atravessado e por ai vai…
    Entrei em contato com o fabricante, a princípio eles negam a existência de tal falha no projeto. Estou tentando recall com o fabricante. Aí começa o pesadelo(por se tratar de calibre restrito). Com tanta burocracia, o que é mais facil e perder uns três dias úteis, viajar +- 2000km por minha conta, pois o argumento é que está fora de garantia e tem que ver a arma(arma nova aproximadamente 600tiros).Tenho videos apresentando os problemas descritos acima a quem possa interessar. Resumindo a taurus tem com certeza meritos, porem, tem que assumir a falha ou correr o risco e deixar do jeito que está (com defeito de fábrica).

  26. ELIEL LEITE disse:

    Alguem sabe me dizer se PISTOLA TAURUS 58 HC-PLUS – 20 tiros ja apresentou algum problema alguma vez fico grato com a resposta .

  27. Vinicius disse:

    Sou Sgt e tenho algumas informacoes a passar sobre minha experiencia com Taurus de minha propriedade.

    Tive uma Smith Wesson 9mm – Perfeita arma, problema é que o inox dela começou a escurecer mesmo com limpeza constante, fui informado que poderia ser o nivel de salinidade no corpo.

    Tive um 38 2 polegadas bulldog – ótima arma, problema é o material do cabo… desgaste rápido

    Ai adquiri a 24/7 9mm – O unico problema foi a dificuldade de encontrar muniçao. Entao doei a 9mm e adquiri a 24/7 .40 – Menos de dois meses apereceu alguns pontos de oxidacao – porem sacudi bastante e nao disparou sozinha.

    Em viagem a Miami vi a Glock G23 .40 – achei linda e compacta e num preço maravilhoso, fiz o contato, e importei pelo exercito, quase dois anos pra resolver tudo. Nao trava, nao enferruja, nunca limpei, só tiro tiro tiro, trocou o carregador ta nova.

    Nesse período fiquei somente com o 38 bulldog, a 24/7 .40 e a G23 – Doei o 38 e a 24/7 e adquiri uma G25 para uso doméstico e pelo preço da municao, é tiro tiro tiro – silver, gold, recarregada, treina… nao engasga, nao limpo, é pau para toda obra.

    Estando com uma arma de porte G23 e uma somente registro G25, senti a necessidade de uma arma longa, adquiri a ST12 da taurus, em menos de oito dias alguns pontos de ferrugem, levei ate a revenda, na garantia substituiram o cano.

    Hoje vivo tranquilo com a Glock, tive uma situacao tambem com uma 638 que nao disparava municao recarregada, forcando o uso de municao no minimo treina.

  28. Gustavo disse:

    Aconteceu em SC, se não me engano ontem, não tenho link da notícia mas foi a Record local que mostrou, .40 de PM dispara ao cair no chão e atinge o pescoço do mesmo, está internado…

  29. JOÃO EDUARDO SOBRAL disse:

    Na minha opinião a arma para o policial seria Glock em .40 ou um revolver cal. 357 magnum.

  30. Guilherme disse:

    E o caso em SP do policial que matou um adolescente em abordagem, na perícia constatou que a arma disparou sozinha.

  31. luiz disse:

    Sou Policial militar e não gostei da arma, a minha deu defeito e assim que testei no estande do BPM o chassi que diz que é fabricado em polímero de alto impacto havia trincado, parece arma de brinquedo

  32. carlos disse:

    Sobre o comentário do amigo que diz não confiar na Glock e de ter ouvido comentários negativos em relação à arma, amigo só o que posso lhe dizer é o que tenho pela própria experiência de ter uma Glock e realmente ainda não vi nem testei uma arma melhor, acho muito estranho esses comentários negativos aja visto a Glock já foi e é considerada uma das melhores armas do mundo!

  33. Henrique Ramos disse:

    Não dá nem para comparar Glock com a “bovina”. A Glock é simplesmente a melhor arma do mundo, utilizada pela maioria das forças policiais. Uma arma que chega a ser monótona, pois nunca apresenta falhas. Infelizmente no Brasil temos que trabalhar com as “bovinas”. Comparar Golck com taurus é a mesma coisa que comparar Ferrari com Fiat/147.

  34. Lucas Parrini disse:

    Isso me lembrou o “ditado do computador”, onde o usuário diz ter problemas e o técnico responde que o problema está entre o teclado e a cadeira.

  35. Heberte Gomes disse:

    Joaquim, desde já parabéns pelo excelente trabalho de divulgação e esclarecimentos de dúvidas pertinentes aos armamentos.Gostaria que o senhor entrasse em contato comigo pois preciso sanar algumas dúvidas, desde já agradeço e Deus abençoe.

  36. gaúcho disse:

    Existem pistolas com defeito que dão tiro duplo sim (tipo rajadas)….sou perito e já testei armas assim…

  37. Expert expatriado disse:

    Pessoal, eu nem ia perder tempo com essa discussão. Mas vou resumir: no Brasil, em razão da política do desarmamento empregada pelos últimos governos, compramos produtos de péssima qualidade e eficiência e pagamos muito caro por isso. Moro nos EUA há sete anos, sempre que posso vou a clubes de tiro aqui, e quando conto sobre a situação da Taurus e do Brasil em relação à armas, todos ficam indignados e alguns nem acreditam. Não acreditam como um país grande, violento e com grandes áreas rurais como o nosso pode adotar uma política anti armas tão burra e covarde. Não acreditam que armas da Taurus podem estar sendo rejeitadas por policiais do Brasil, pois aqui as pistolas Taurus são de ótima qualidade, usadas inclusive em filmes de Hollywood (quem duvida, acesse http://www.imfdb.org/wiki/Taurus e tire a dúvida).
    Acho que a culpa não é da Taurus e sim do governo, pois ela vai investir em tecnologia pra quê? Investir em produção pra quê? Não existe mercado pra isso. Ela vai ganhar a licitação pra fornecer armas às secretarias de segurança de qualquer jeito. A imbel ainda não tem condições de brigar com ela.
    A legislação é tão restritiva que mesmo policiais federais são obrigados a usar armas nacionais para calibre restrito. Traduzindo: Sr. militar/policial/PF quer uma glock? Só .380. Quer uma CZ? Só .380.
    Militar que quiser uma 9mm, ou policial que quiser uma .40 tem usar Taurus ou Imbel.
    Ouvi dizer que liberaram .45 pros militares e PF, mas se for verdade, certamente terão que usar armas nacionais, de qualidade inferior ao que se vende aqui fora, por um preço altíssimo.
    Vocês não fazem idéia do que eu posso comprar aqui nos EUA, e quanto eu pago por isso, sem falar no preço da munição que eu nem vou entrar no mérito pra não deixar vocês ainda mais indignados. Uma SIG Sauer P320 9mm de última geração, uma Glock 17, ou uma HK VP9, na minha opinião, uma das melhores pistolas já feitas, saem por R$ 3.000,00!!!! Preço que um brasileiro honesto(pobre coitado) vai pagar por um revolver .38 legalizado em uma loja, isso após convencer(implorar à) a PF a deixá-lo exercer um direito básico, a legítima defesa, não sem antes gastar outra bolada com certidões e taxas.

  38. Eduardo Bruno Alves disse:

    Você disse que não sabe de nenhuma vítima? Pois bem, aqui está uma e conheço várias outras. Estamos movendo ações individuais contra a Taurus. Eu fui baleado por uma 24/7 que caiu e disparou, atingiu o braço e o peito, quase morri!!! Sei, conheço várias pessoas que também foram baleadas por armas da Taurus. Então quer dizer que vc nunca viu um vídeo de uma arma da Taurus dando rajada!!! Imagino. Sou professor de tiro da PMGO há mais de 14 anos, tenho experinecia com arma de fogo. Escrevo artigos sobre o tema no meu Blog, que tem grande acesso, inclusive de vcs mesmos!!! Uma dessas armas passou na minha mão, eu vi o que ela é capaz. Agora vc vir falar que não existe armas da Taurus disparando sozinha!!! Me desculpe, mas isso coloca sua página em descredito.

  39. Eduardo Bruno Alves disse:

    Realmente vc talvez não receba dinheiro pra falar bem, mas recebe armas da Taurus pra testar, recebe a autorização para fazer entrevista dentro da Fábrica, o que é muito difícil de se conseguir. Pra fazer bombar a sua página vc faz os seus acordos. Essa é a única resposta cabível para o absurdo que vc publicou!!! Armas por todo o Brasil dando problemas. Tem um perito ai que disse que já viu armas dando rajada. NO Net, no Youtube, nos jornais!!! Será que vc está alheio a todas essas informações? Uma página com tantos seguidores se prestando a manipular as informações dessa forma é bem ao estilo brasileiro mesmo.
    Veja essa página que talvez ela irá lhe dizer algumas verdades sobre o que as armas da Taurus estão fazendo com os polciais brasileiros:
    http://vitimasdataurus.com/
    Só lembra-los, eu sou uma vítima da Taurus, eu levei um tiro no peito de uma 24/7 e eu conheço e me ralaciono com várias pessoas que foram vitimas de armas da Taurus!!!
    Duvido que vcs irão publicar essa resposta!!!

  40. humberto disse:

    respostas para todos . sou armeiro com 33anos de experiencia e atirador desde os 13anos de idade ;as armas taurus sao realmente de qualidade duvidosa ja tive a oportunidade de ver canos mau usinados camaras que nao entrava muniçao canos tortus falha de tiros por molas ruins isto e de dar do sao muitos casos porem a famosa glock tambem tem inumeros problemas que da para chorar e nao tem como consertar ja que elas sao descartaveis uma verdadeira droga posso fala pois ja tive e disfiz da notoria lenda mesmo hoje tenho uma taurus 58 toda modificada alinhador de cano molas de padrao de disparo com qualquer tipo de muniçao ou seja tive que melhorar muito ate chegar no produto quase perfeito porem toda arma seja qual for o fabricante se atirar muito mesmo vai quebrar alguma coisa isto e certo arma que presta e a super bem testada infelizmente e o que podemos ter quem sabe no futuro a perfeita jericho israelense sim a melhor do mundo mesmo esta ten tudo e mais de bom tai fica a minha observaçao como armeiro e apaixonado por armas.

  41. humberto disse:

    respostas para todos . sou armeiro com 33anos de experiencia e atirador desde os 13anos de idade ;as armas taurus sao realmente de qualidade duvidosa ja tive a oportunidade de ver canos mau usinados camaras que nao entrava muniçao canos tortus falha de tiros por molas ruins isto e de dar do sao muitos casos porem a famosa glock tambem tem inumeros problemas que da para chorar e nao tem como consertar ja que elas sao descartaveis uma verdadeira droga posso fala pois ja tive e disfiz da notoria lenda mesmo hoje tenho uma taurus 58 toda modificada alinhador de cano molas de padrao de disparo com qualquer tipo de muniçao ou seja tive que melhorar muito ate chegar no produto quase perfeito porem toda arma seja qual for o fabricante se atirar muito mesmo vai quebrar alguma coisa isto e certo arma que presta e a super bem testada infelizmente e o que podemos ter quem sabe no futuro a perfeita jericho israelense sim a melhor do mundo mesmo esta ten tudo e mais de bom tai fica a minha observaçao como armeiro e apaixonado por armas.

  42. Paulo disse:

    Não estou entendendo essa defesa, exagerada, insana, de vocês do site para com a TAURUS, por que hein ?

    Quanto vocês estão ganhando para defenderem a TAURUS desse jeito ?

    Vcs sabiam que em um dos processos nos EUA a TAURUS foi obrigada a pagar mais de 30 milhões de dolares de indenização para os TROUXAS americanos que compraram suas armas ?

    Vcs realmente enlouqueceram

  43. PEDRO disse:

    Vcs do INSTITUTO DE DEFESA são débeis mentais ? Tem síndrome de down ? Ou alguma doença mental grave ?

    Ou são somente curitibanos mostrando as origens ? kkkk

    A arrogância típica dos nascidos e criados nessa capital.

    A falta de qualidade e enficiência das pistolas, carabinas e submetralhadoras TAURUS, principalmente as últimas fabricadas em 9mm e calibre .40 para as polícias brasileiras, é claro e evidente, sem discussão.

    Agora mesmo janeiro, segunda semana de 2016, um delegado da PC de SP, morreu, porque a pistola TAURUS PT 640 .40, FALHOU, ele deu um tiro, quando efetuou o segundo a munição ficou presa no caso e foi metralhado por 3 marginais. Está em todos os jornais e sites do Brasil.

    E tem foto provando, a munição no cano e a arma TRAVADA.

    Ele morreu de graça, poucos dias depois de fazer uma cirurgia gravíssima no coração.

    Sobreviveu a cirurgia gravíssima, mas não sobriveu a PILANTRAGEM DA TAURUS.

    EU SOU TOTALMENTE CONTRA O DESARMAMENTO, TENHO CERTEZA QUE TODOS OS CIDADÃOS, TEM O DIREITO DE TER ARMAS DE FOGO PARA SE DEFENDER E A SUA FAMÍLIA.

    MAS COM ARMAS QUE FUNCIONEM, NÃO COM AS PILANTRAGENS DA TAURUS.

  44. Juca disse:

    Que piada o sr Lucas S falar “Acredito que o sr. seja a melhor pessoa possível para responder a sua pergunta. A sua 24/7 está disparando sozinha?”
    Como bem disse o Coronel da PMDF que comentou acima, qualquer policial que tenha uma arma com defeito já é logo acusado de ter alterado a arma, então se sei que as armas de meu tipo podem dar defeito vou ficar testando?
    Só se for para responder um ipm de graça!
    Não sei na PC mas na PM primeiro o policial é culpado de alguma coisa, se não conseguirem provar nada ainda sim ganha uma “advertência”…

  45. José Filho disse:

    A fabricação dessas armas de fogo, têm que reiniciar tudo do zero(Descontinuadas),a partir do polímero que é utilizado em sua armação, que tem que ser Polímero TERMOFIXO (QUE AQUECE E NÃO DERRETE, ANTI-CHAMA)sem falar no mecanismo. O que almejamos dos fabricantes desse instrumento de trabalho das Polícias para evitar acidentes irreversíveis é: QUALIDADE E CONFIABILIDADE. Pois o povo não pode pagar mais esse conta. Com a palavra o órgão fiscalizador!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*