Membros do Instituto DEFESA marcam presença em Audiência sobre armas na Câmara dos Deputados

Brasília, 26 de Novembro de 2014.

Ocorreu no dia 26 de Novembro de 2014 audiência pública da Comissão Especial da Câmara dos Deputados criada para tratar do PL 3.722/12, de autoria do Dep. Rogério Peninha Mendonça (PMDB/SC). que revoga o Estatuto do Desarmamento.

Após intensa convocação, o plenário 11 do Anexo II da Câmara dos Deputados não foi suficiente para receber os cidadãos que exigiam a aprovação da nova lei.

Com a presença de cerca de 30 deputados e representantes de diversos setores, como o Sr. Demetrius Oliveira, Presidente da CBTP, o Sr. Douglas Pasuch (Beretta Brasil), Major-Brigadeiro-do-Ar Dias, (Taurus Defesa), Samuel Ramos (Coordenador Local do Instituto DEFESA), Benê Barbosa, do Movimento Viva Brasil, Sr. Paulo Martins, jornalistas de diversas redes e muitas outras personalidades notórias, a sala ultrapassou a lotação máxima de 80 pessoas,

Mesmo com a colaboração da polícia legislativa que permitiu a entrada de indivíduos além da capacidade máxima (cerca de 200 pessoas, de acordo cm a Câmara dos Deputados), pelo menos 80 outros cidadãos, muitos deles vestindo camisetas da Campanha do Armamento, foram impedidos de entrar na casa do povo.

NOVA AUDIÊNCIA MARCADA PARA O DIA 03 DE DEZEMBRO

A pedido do Deputado Alessandro Molon (PT-RJ), nova audiência pública será realizada no dia 03 de Dezembro. Desta vez espera-se que mais desarmamentistas sejam convidados a participar da mesa, tornando o papel dos membros do Instituto DEFESA ainda mais importante.

Desde já convoca-se a presença de todos para o próximo evento, preferencialmente vestidos a caráter com as camisetas da Campanha do Armamento ou Instituto DEFESA.

 

TRAMITAÇÂO DA LEI

O relator Cláudio Cajado (DEM-BA) deve apresentar seu relatório no dia 9 de Dezembro e a votação do PL 3.722/12 na Comissão deverá ocorrer no dia 10 de Dezembro.

Caso aprovado, o projeto deve ir a plenário no começo da próxima legislatura.  A partir daí, segue para o Senado e sanção da Presidente da República.

 

 

Lucas Silveira (à esq.) e Dep, Rogério Peninha Mendonça (à dir).

Lucas Silveira (à esq.) e Dep, Rogério Peninha Mendonça (à dir).

Sr. Vanildo Maldi (à esq), um dos membros mais ativos do Instituto DEFESA, Sr. Mário Neiva (no fundo, à esq) e demais cidadãos vestindo as camisetas da Campanha do Armamento e do Instituto DEFESA

Sr. Vanildo Maldi (à esq), um dos membros mais ativos do Instituto DEFESA, Sr. Mário Neiva (no fundo, à esq) e demais cidadãos vestindo as camisetas da Campanha do Armamento e do Instituto DEFESA

30 faixas do Instituto DEFESA foram disponibilizadas por toda a Câmara dos Deputados

30 faixas do Instituto DEFESA foram disponibilizadas por toda a Câmara dos Deputados

 

Dep. Eduardo Bolsonaro, Dep. Jair Bolsonaro, Bene Barbosa (MVB), Salésio Nuhs (ANIAM) e Lucas Silveira (Instituto DEFESA).

Dep. Eduardo Bolsonaro, Dep. Jair Bolsonaro, Bene Barbosa (MVB), Salésio Nuhs (ANIAM) e Lucas Silveira (Instituto DEFESA).

Lucas Silveira (Instituto DEFESA), Mário Neiva e Benê Barbosa (MVB)

Lucas Silveira (Instituto DEFESA), Mário Neiva e Benê Barbosa (MVB)

Lucas Silveira, Carlos Terra, Sr. Grecio (primeiro presidente da CBTP) e Demetrius Oliveira (atual presidente da CBTP).

Lucas Silveira, Carlos Terra, Sr. Grecio (primeiro presidente da CBTP) e Demetrius Oliveira (atual presidente da CBTP).


 

Achou este ato importante? Clique aqui para saber como nos ajudar.

 


Publicado em Destaque, Projetos de lei em tramitação
27 comentários sobre “Membros do Instituto DEFESA marcam presença em Audiência sobre armas na Câmara dos Deputados
  1. danilo disse:

    Parabéns pela iniciativa pessoal. Sou de Goiânia e estarei presente na próxima reunião na câmara. Juntos vamos derrubar essa lei q o pt desce guela abaixo do brasileiro. Força irmãos…

  2. elias portela disse:

    parabéns a todos os parceiros e membros da DEFESA, não posso estar presente pois moro longe de Brasília, mas deixo meu apoio,Parabéns todos!!! e conto com nossa vitória;

  3. manoel figueiredo disse:

    Cidadão unido pela verdadeira democracia, unidos somos invencíveis. Parabéns a todos!

  4. ivo brunetta disse:

    nos devemos lutar pelo direito de nos defender. Pois nos não temos segurança nem uma nesse sistema de desgoverno q ai esta . E digo mais como que os bandidos tem o direito de invadir nossas casas e nosso local de trabalho e não acontece nada com eles? prq esse governo do pt insiste no desarmamento? Eles q nos de uma resposta convincente que ai quem sabe mudaremos de opinião

  5. Williampduarte Pereira duarte disse:

    Vamos vaiar

  6. ANTONIO CARLOS CARCIOFI disse:

    Sou a favor da defesa das famílias por seus próprios membros.
    Pois a cada dia aumenta mais a violência.
    E a Segurança é precária nas cidades, estradas e em lugares afastados.
    Precisamos sim de ter como intimidar e se preciso for praticar a legítima defesa da família, a nossa pessoal e a do nosso patrimônio.

  7. Roberto Mercúrio disse:

    Meus nobres e estimados colegas,e deputados da bancada da bala:

    Que a força esteja com voçês.

    Um forte abraço a todos.
    Em especial para o Ilmo Deputado estadual Roque Barbieri.

  8. Adriano disse:

    Tomara que revogue o estatuto e regularize logo para que as pessoas que gosta e são de bem que tem sua arma de fogo. Isso deve ser um direito do cidadão, para se defender…

  9. Robson disse:

    Parabéns à todos os membros que estiveram presentes na audiência! Gostaria muito de estar próximo a Brasília e poder participar ativamente.

  10. Marcelo disse:

    Quanto tempo sera que vai levar todo esse tramite, apoio tambem ao armamento e porte. Esse brasil como ja disse antes ta andando pra traz, quero ter o meu direito de defesa garantido custe o que custar.

  11. Dangylle disse:

    Tenha uma arma LEGAL em casa. Não esteja com o controle da TV na mão quando um bandido entrar na sua casa e apontar uma arma pra sua família. Receba-o com todo o carinho que uma .38 ou .380 ou .40 (restrita) ou 9 mm(restrita) podem dar a ele.
    Só podemos fazer isso se nós do I.D. pressionarmos pra derrubar o estatuto do desarmamento. Só idiotas e inocentes acreditam que o Brasil é um país pacífico e seguro para os brasileiros.

  12. Enei Roberto Veiga da Silva disse:

    Fico feliz em saber que estamos progredindo no sentido de fazer com que se cumpra a Constituição Federal. Não aceitarei jamais que me sejam retirados direitos adquiridos, já que as chance de adquirir novos direitos está cada vez mais remota. Além do poder público não me proteger com segurança, o que é de sua (ir)responsabilidade, ainda não quer permitir que eu me defenda? Um absurdo desses só poderá vingar num país como o Brasil……

  13. josr disse:

    Parabens pela campanha

  14. Pedro Poço Santos disse:

    Sou reservista, nunca usei armas, mas gostaria que essa lei fosse aprovada, pode ser que amanhã eu precise de uma.

  15. GABRIEL LUIZ ALVES DE OLIVEIRA disse:

    Parabéns pela atuação.
    Sinto não poder me fazer presenta para ajudar nesta luta, mas de longe estamos sempre alertas e dispostos a ajudar nesta luta com o que for possível.

    Forte Abraço á todos
    Gabriel.

  16. Cesar disse:

    Bom dia Lucas Silveira,

    Importante iniciativa do Instituto Defesa!
    Assisti o video de toda a audiencia e foi aprovado na Comissao de Seguranca Publica o Projeto de autoria do Deputado Jair Bolsonaro o porte de arma para CAC’s devidamente registrados no Sigma do Exercito Brasileiro.
    Gostaria de seu comentario a respeito disso, ja que compareceu pessoalmente a audiencia de 26/11/14.

    Agradeco seu retorno e vamos pressionar o atual governo pela revogacao desse Estatuto que foi inconstitucionalmente implantado no Brasil.

    • Lucas Silveira disse:

      Oi Cesar, tudo bem?

      O projeto do Bolsonaro ainda deve passar pela CCJC, tem algum chão pelo caminho. Estarei acompanhando ele pessoalmente daqui pra frente.

  17. ANTONIO disse:

    Valeu pessoal
    Mas precisamos ir em peso dia 03, infelizmente aqui do sul não posso ir, Mas tem que ir todos de puderem pois vai ser uma audiência em que o governo vai mostrar o apoio que dá as ONGs desarmamentistas serão 6 contra 3, tem que ir bem argumentado e falar dos dados de 2013 pois o mapa da violência fala somente até 2012 (39000 contra mais de 50000 em 2013)vamos em frente.
    Abraço a todos.
    Há e cuidado com a mídia do contra, eles são tendenciosos.

  18. Francisco José araujo serrano disse:

    Apoio, quero ter meu porte de arma

  19. Giancarlo disse:

    Tinha que ser o Alessandro Molon (Marco Civil da Internet) para adiar a votação por causa de mais uma audiência pública, mas agora com gente dele (desarmamentistas). Eles ainda estão tendenciosos conforme suas paixões e ideologias. Segurança pública se faz com estudos e análises técnicas e não ideológicas conforme falou o senhor Fabrício na audiência de 26/11/2014. Até quando vamos ter que aguentar estes entraves políticos partidários do PT ?

  20. luiz disse:

    Alguem pode me responder se munição desativada e crime?

  21. Fabrício Ferreira disse:

    Meus amigos, peço que ajude a Defesa.org. Vamos ajudar financeiramente, vamos fazer depósitos com qualquer quantia. A nós que, infelizmente, não há possibilidade de está presente nas manifestações, vamos fazer nossa parte munindo nossos companheiros que estão indo a Brasília lutar por nossos direitos. Não basta somente querer, temos que dar suporte financeiro para aqueles que estão querendo nos ajudar. Vamos fazer nossa parte. Vamos nos associarmos em massa, todos de preferência como Premium. INSTITUTO DE DEFESA NOSSA LIBERDADE. Juntos somos invencíveis.

  22. Antonio Jose disse:

    parabéns pela iniciativa, só agora tomei conhecimento desta lei, e já estou torcendo pela aprovação da PL. Não entendo o porque de ser feita uma consulta ao povo através de voto, e o parlamento faz regras contrarias a este desejo.

  23. Valdeci Anselmo Lima disse:

    Sou favorável à revogação da Lei do desarmamento em paarte, porém, que o cidadão possa portar uma arma em casa. Para defender sua família e sua propriedade. Fora isso , sou contra andar continuamente com
    Armado pois acho que só vai contribuir para aumentar a violência

    • César disse:

      Semhor Valdeci, informe sua preocupação em andar armado e assim temer o aumento da violência aos foras da Lei, à bandidagem,ao crime organizado…
      Nós cidadãos de bem não incentivamos a violência, mas se estiver armado e for abordado por um criminoso, seja ele agente de delito leve ou grave, não hesitarei um segundo se quer em efetuar o disparo,a Legítima defesa armada é um direito fundamental que nos é garantido pela Constituição Federal!

      Pense nisso.

      um abraço

  24. Marcello disse:

    É isso aí, vamos continuar na pressão! É necessário revogar a atual lei do desarmamento, que foi imposta contra o desejo da população!
    Parabéns a todos pelo empenho! Estamos no caminho!

  25. everaldo disse:

    bom dia senhores, com certeza meu apoio e total para o fim desta lei descabida e que não diminuem em nada o crime, só leva cidadãos honestos e estarem a margem da lei , pois as pessoas de baixa renda e ribeirinhas que tem necessidade de uma arma para caçar o sustento da família , pois a esmola do bolsa família não chega para nada, e só uma esmola mesmo, os obriga a defender a alimentação de sua família com animais da fauna silvestre,(caça de subsistência) essas pessoas não tem condições de : pagar pelo registro , pois as despesas para isso vão alem dos míseros reais das esmolas do PT, e assim correm riscos de vida com armas caseiras, pois ou e isso ou a fome, despesas como proscolos e testes de uso, necessários, porem com preços fixados pela injustiça do golpe do desarmamento , tudo para impedir o direito aos cidadãos que sustentam seus mensalões e petrolões, de se defender contra os criminosos que povoam as nossas cidades e campo, dizer que arma de fogo iduz ao crime, e loucura se assim fosse a população anterior aos desmandos dos governos desarmamentistas seriam os maiores assassinos da historia mas não, nos sabemos que depois destas leis , o crme so aumentou e saiu da cidade e invadiu o campo pois os bandidos sabem que nos tem a merce. fora com essa aberraçao, quero meu direito ao porte, e a todos sem desigualdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*