Exército volta atrás e abandona sistema virtual de CR

Lucas Silveira é presidente do Instituto DEFESA.

Lucas Silveira é presidente do Instituto DEFESA.

08 de Maio de 2015.

Depois de incontáveis problemas relacionados ao funcionamento do sistema de informações da Fiscalização de Produtos Controlados, depois de uma polêmica ainda longe de terminar relacionada às normas infralegais sobre armas emitidas pelo Comando Logístico para os Colecionadores, Atiradores e Caçadores, depois de várias visitas do Instituto DEFESA e de outras entidades ao Quartel General do Exército em Brasília, na busca por uma solução sensata para os problemas dos CACs, a notícia de hoje para os que dependem do SIGMA para suas atividades é surpreendente.

Quem acessa a página oficial da 5ª Região Militar hoje encontra uma notificação que informa a suspensão da utilização dos sistemas eletrônicos para concessão, revalidação e apostilamento de CR, e que as demandas deverão ser protocoladas como antigamente, por meio físico, papel, cópias, carimbo, etc.

5de

A nota da Região Militar dá a entender ainda que o sistema eletrônico pode voltar a funcionar, mas não informa quaisquer prazos, datas nem qualquer outro dado pertinente.

Vale lembrar que o sistema implantado custou alguns milhões de reais do erário, e provavelmente novas medidas exigirão ainda mais gastos do dinheiro do contribuinte para fazer cumprir uma legislação em total desacordo com o interesse público. Além disso, as taxas oriundas da fiscalização geram uma receita de mais de 20 milhões de Reais por ano ao COLOG, oriundos dos recursos dos administrados.

Nos próximos dias, o Instituto DEFESA mais uma vez, entrará em contato com o Comando Logístico para, novamente, procurar uma solução que atenda a necessidade e ao direito inequívoco do povo brasileiro se defender, colecionar, praticar seu esporte formal ou informar ou controlar espécies exóticas invasoras.

Por hora, encorajamos a todos a protocolarem suas reclamações na Ouvidoria do COLOG: http://www.ouvicolog.eb.mil.br/

Qual é a sua sugestão? Qual você acredita que seja a solução para os sucessos problemas gerados pelo Exército Brasileiro aos brasileiros que querem exercer o direito de ter e utilizar armas de fogo?


 

Você acredita que o esforço do Instituto DEFESA em dialogar com o Exército é relevante? Torne-se um membro premium por cerca de 50 centavos por dia e financie nossas atividades. Saiba como.


Publicado em Notícias
58 comentários sobre “Exército volta atrás e abandona sistema virtual de CR
  1. Nicola disse:

    É só para prejudicar.
    Para tornar mais lento o serviço mal prestado

    • adalberto disse:

      Enquanto essa merd…. rola os trombadinhas, assaltantes e “menores” infratores continuam assaltando até com metranca e nada acontece

  2. Marcos disse:

    Bom para os despachantes…. Tem que desistir dessa portaria nova e voltar ao que era antes.

  3. william pais disse:

    Já to a três anos tentando resolver meu CR e toda vez tem um problema parece que o governo quer que a gente seja ilegal por que não facilita as coisas e simplesmente passa tudo para a policia federal através de um porte de arma especifico para a categoria.

  4. Fabio Custodio de Oliveira disse:

    Mais uma manobra pra sabotar os CACs.
    Sinto uma grande decepção com o Exército que não representa mais o povo brasileiro, virou pau mandado de um governo comunista.
    Perdi de comprar uma pistola excelente de outro CAC por conta do EB, paguei para o CAC e por causa do EB fiquei um ano esperando a transferência e nada; tive de pedir o dinheiro de volta.

  5. Ricardo Aparecido Arcova disse:

    era para ter mais agilidade no sistema eletrônico, assim aconteceu com processos em forums, o magistrado faz tudo pelo computador, o processo anda que é uma beleza.
    No exército ao invés de melhorar ficou igual ou piorou, é o mesmo prazo, de 1 a 3 meses ou mais, mas que prazo doido é esse? 3 meses ou mais? isso é prazo indefinido.
    poxa, eu achei que pelo sistema a coisa iria andar mais rápido já que para o militar apreciar o processo era só olhar para a tela e ver tudo de forma mais rápida e deferir ou não, somente com um clique e automaticamente atualizar o sistema de consulta.
    Mas parece que eles estão na fase de adaptação.
    O engraçado do COLOG novo, é que fiz uma compra de uma Ruger SR22, o despachante enviou online todos os documentos que pedia no sistema, depois de um mês disse que era pra enviar a “declaração de necessidade” e “carta do clube dizendo se a arma pode ser aplicada em alguma categoria que o clube dispõe” mas isso quando foi enviado não tinha na tela, agora tem.
    ou seja, a parte que é ruim para o CAC está entrando em vigor rapidamente e a parte ruim para o CAC está sendo deixada pra traz, por exemplo, CRs estão saindo com 2 anos de validade apenas ao invés de 3.
    e teve caso do CAC tirar sua primeira CR e ser negada a compra da arma, dizendo que só após um ano ele poderia fazer isso kkkk
    pra que CR então se não pode comprar arma. e outra, cobrem dos clubes a habitualidade, se o kra não vai ai não venda mais arma pra ele, mas sua primeira e suada CR ser deferida e não poder comprar nem um .22LR é de cair o queixo.

  6. Geovani alves disse:

    pois e agora como devemos continuar o processo por meio fisico ate entao eu estava preparado para fazer o cr por meio eletronico agora fiquei perdido se alguem souber como proceder agradeço.

  7. Odilon Principe disse:

    Meu Deus perece que o EB parou no tempo, quanta agilidade esse sistema poderia dar e os milicos não sabem oq fazer é msm uma vergonha nacional.

  8. everton zastawny disse:

    ja fui militar por 7 anos atirava e competia seguidamente atirava com 7,62mm, 9mm, .50, canhao 90 mmm e hoje mal posso comprar uma espingarda de pressao isso para mim é muito contraditorio por parte do exercito e isso que cumpro todas as exigencias para a aquisiçao de armas de fogo e mesmo assim ha muita dificuldade em adiquirir uma

  9. Sebastiao Barbosa rocha disse:

    Acho que deveria continuar só ajusta algumas coisas que esse meio eletrônicos e bem melhor pq igual aqui no interior fica mais difícil se desloca até posto do exército pra da entrada nos cr

  10. Maria Consuelo Mello disse:

    Se a máquina for da “Smarthmatic” é melhor voltar para papel e caneta! kkkk

  11. Aguillar disse:

    Meu processo de CR (concessão) ja dura 1 ano e 4 meses. Já compareci a SFPC, Palacio Duque de Caxias-RJ e nao consigo nada…Desisti de tentar falar com eles, de pedir rapidez. Me entreguei. Sei que tem gente que passou mais tempo esperando. Nao aguento mais esse país. Estou fazendo de tudo para sair.

  12. Aguillar disse:

    O andamento é que tudo foi deferido, documentacao OK, vistoria OK e “AGUARDANDO ATUALIZACAO DO SISTEMA DE CR ELETRONICO PARA DAR ANDAMENTO AO PROCESSO”.

  13. Gilmar disse:

    Nossa até quando vamos ser tratados como idiotas sera q os responsáveis por essa absurda ação contra a conseção de um simples documento que é do nosso direito não acordou ainda q essa briga com a população esles já perderam em 2005 não se esqueçam o povo esta muito mais inteligente e informado do que antes,quero meu direito garantido e juntos somos muito mais fortes estamos dr olho nos próximos passos de vcs.

  14. mauro disse:

    É evidente que se trata de um retrocesso!!!! Enquanto outros países se esforçam para participar do futuro., nós, agonizamos num amargo passado, que parece., pela incompetência e despreparo, caminho inevitável. É preciso acompanhar o dinheiro que foi usado para implantar o sistema, e saber como e quanto foi usado do dinheiro público. Esse país é uma vergonha., desculpe, país não… esse povo é uma vergonha!!!!

  15. Olinto Gimenes disse:

    Não sei qual a razão para que seja dado ao Exercito essa atribuição de controle de armas ou produtos relacionados, tais como munições, explosivos, alguns produtos químicos, etc. Isso é herança maldita da época dos governos militares, que criaram atribuições para as forcas armadas até compreensíveis naquela época, mas totalmente inadequadas para os dias de hoje. Sabe-se que o Exercito não tem capacidade material para desempenhar tais funções,pois falta-lhe todo tipo de recurso para a missão. Alem disso é uma instituição sem nenhum interesse no atendimento ao público, não tem essa finalidade, tampouco qualquer interesse em promover um bom atendimento, pois não é seu objetivo. Assim, essa atribuição é apenas um “fardo” para as forcas armadas, que vai “empurrando com a barriga”. Tampouco serve para a Policia Federal, que de igual sorte não é uma instituição com tais finalidades na sua estrutura. A única forma de solucionar definitivamente todos esses problemas é passar essas atribuições a quem realmente cuida da segurança pública no país e é responsável pela segurança interna e pelo atendimento ao publico, ou seja, as policias civis estaduais. Somente assim teríamos realmente um efetivo controle, atendimento satisfatório e um sistema que realmente iria funcionar.

    • derval disse:

      O amigo se equivoca. Isso vem do golpista no mau sentido Getúlio vargas wue depois de tomar uma coça dos paulistas e vence-los com dificuldades baixou restricao geral de arma. Ate o tempo dele lampião andava pra la e pra ca de mauser e manlicher 6,5 e 7mm, tinha 44-40 de rodo, pistola 9mm etc na mão do povo.

  16. Robson Prudente disse:

    Lamentável, dei entrada no meu CR em maio de 2014 e ate hoje não consigo resolver isso. Cada hora e’ uma coisa diferente, sou federado e confederado, sócio de dois clubes de tiro.Ano passado participei das 6 etapa das do estadual de silhueta metálica e fui campeão. Participei do centro sul sudeste e fui vice campeão, continuo no esporte porque gosto. Quero andar legal e tento me regularizar a mais de um ano,meu processo consta deferido e não sai disso a mais de um ano. O SFPC não atende tel, não responde os emails e chamados feitos pelo site, nem tao pouco atende pessoalmente na 1/RM. Isso e’/desencorajador, mas sou Brasileiro e não desisto nunca…

  17. César disse:

    Lamentável! Uma vergonha!
    O exército brasileiro como Instituição responsável pela manutenção da Soberania Nacional adotar uma postura paleolítica dessas!
    Além da “burrocracia” já existente para a liberação e renovação de CR’s para nós CAC’s o exército brasileiro mostra que não tem nenhum respeito com o meio ambiente!

  18. quagmire disse:

    Esse sistema reclamei desde o começo. Eu anexava meus documentos e um segundo depois eles sumium. Fiz isso umas 15 vezes. Então passei meu login e minha senha para a federação e eles fizeram para mim. Garantiram qur estava tudo ok. No final meu processo de renovação foi indeferido por falta dos documentos. Pedi renovação 6 meses antes de vencer. Até agora ta um rolo e não renovou meu CR. Vai levar mais um ano assim. Palhaçada. Fiz tudo certo, dentro do prazo e não posso ir treinar com as minhas armas. E não tenho o que fazer, pq pro exército não anexei meus documentos no prazo.

  19. Jacques Menezes disse:

    Importante verificar se isso é apenas uma péssima gestão ou se não tem “pressão” dos comunistas de situação.

    • Lucas Parrini disse:

      Não duvido.

      Com a PF negando pedido de compra, o cidadão corre pro Exército. Então, precisamos fazer o Exército negar também.

  20. Jose Caetano Ogliano disse:

    Quero deixar minha indignação quando a dificuldade de eu ter porte de arma, pois trabalhei a vida toda armado sem nenhuma ocorrência, e mais indignado quando o registro da arma que agora tem validade, e quando os valores deles,
    Sei que não seria possível dar porte de arma para qualquer pessoa, porem para pessoas que sabem como portar uma arma e ter uma histórico com arma deveria ser facilitado.

  21. JOSE CARLOS RODRIGUES disse:

    Com o respeito constante pelo seu esforço Sr Lucas, mas, o meu propósito maior não é clube de tiros, portanto, darei o recomendado, porque, tenho certeza que senhor dará o empenho como tal a revogação do Estatuto do desarmamento, sei que a luta será árdua, devido a várias postagens no FB dos contra fazendo referencia a Califórnia – EUA e outros países, mas não fala que aqueles países que tem uma Lei igual e melhorada do Deputado Peninha

  22. Adriano Paiva disse:

    O retrocesso só caracteriza a “boa vontade” do exército no sentido de dificultar ainda mais o acesso às armas de qualquer ordem. No momento onde até o Judiciário já trabalha digitalmente. É triste saber que além do descaso com os interesses do cidadão, já que quem procura os registros para uso de armas dificilmente vai estar interessado em roubar um banco ou um posto de gasolina, ainda pretendem enterrar no velho modelo de burocracia as novas solicitações.

  23. Lucas Parrini disse:

    Eu não me surpreendo com mais nada.

  24. Lucas Aguiar Quaresma disse:

    Eu Acho Muito Ruim Pois Ista Atrasará Mais os Processos de Aquisição de CR’s Também desperdicio de Papel uma Força Armada Tem Que Adquirir Tecnologia em Prol da Nação não Voltar aos Tempos das Cavernas Um Exercito Tem Que ter visão de Futuro isto é um retrocesso de uma corporação e de uma Pátria também dificultará o acesso a informação do processo !

  25. MARCO ANTONIO DA SILVA RÊGO disse:

    Existe uma Lei dos idos de 1940 que previa que atiradores estavam capacitados como instrutores para o Tiro de Guerra. Assim, muitos atiradores foram colaborar e deram instrução para os nossos Pracinhas. Que eu saiba, esta lei não foi revogada. Alguém teria condições de localiza-la? Todos agradeceriam.

  26. MARCO ANTONIO RÊGO disse:

    Quando o Gen. Leônidas era Ministro, através do Gen. Jonas Corrêa, levei-lhe o pedido para liberação do Cal.45 para os praticantes de IPSC. Eles, como bons atiradores que eram, de imediato se sensibilizaram e determinaram a liberação com a posterior regulamentação para as Federações de Tiro e a Confederação de TP. Hoje, para se resolver os problemas dos atiradores e colecionadores, basta botar no lugar certo Militares afeitos ao esporte do tiro. Gente que goste de atirar e que pratique.

  27. Fernando disse:

    Se o exército brasileiro não dá conta nem de preencher papel e nem de administrar um simples serviço online, será que estará preparado para defender o nosso país? Óbvio que não…

  28. TONI disse:

    Toda essa burocracia so serve pra uma coisa, empurrar o cidadão de bem para a ilegalidade. Quero portar uma arma legal em minha casa para defesa da minha familia e patrimonio mas se não é possivel da forma legal, so resta partir pra compra ilegal. O que não vou é ficar a mercer de marginais armados que possuem o direito de portar qualquer calibre.
    Então é mais pratico e barato entrar pra ilegalidade, se assim que o governo quer, que assim seja. Sem contar que todos sabem que é possivel conseguir um .38spl por menos de R$1000,00 enquanto de forma legal chegam a cobrar ate R$4500,00
    Fala serio né!
    Ah e quanto a ter algum problema com a justiça, relaxa… eles se quer conseguem desarmar os bandidos sabendo onde eles estão.

  29. Carlos Luz disse:

    Muito triste viver em um país que possui uma enorme inversão de valores. Consideram quase bandidos os atiradores, caçadores, colecionadores. Pessoas de bem são desrespeitadas. A educação é fundamental em todos os níveis, com ela é possível sim uma melhor convivência, sem ter de criar inúmeras leis. Limitar calibre, dificultar aquisição de armas é uma enorme ignorância. Por que não podemos ter melhor acesso ao porte de arma? Façam exames rigorosos, uma legislação adequada, mas permitam as pessoas possam exercer seu direito a defesa.
    Também sofro, como os demais, para ter meu Certificado de Registro renovado. Já faz mais de um ano que espero. Assim como, por isso, não posso adquirir uma pistola .22.

  30. Edson Tessuto disse:

    A verdade é uma só. Gastaram milhões para convocar o povo a um plebiscito ou referendum… Perderam, porque o povo disse não ao desarmamento. Mas na calada da noite baixaram um decreto ditatorial. Eles infringiram a Lei… a própria Constituição e aparelharam o Estado. Não há mais Leis que protejam o cidadão. O jeito é nos armarmos, quer eles queiram ou não. Temos o direito pétreo da Legítima Defesa. Se os fabricantes de armas quiserem e forem ousados, devem vender armas sim.Principalmente se for para um cidadão de bem.

    • César disse:

      Concordo com o amigo Edson em gênero,grau e número!
      A Polícia e o EB não tem qualquer interesse em garantir a Segurança Pública e a Soberania Nacional, se os fabricantes de armas forem ousados de verdade (e esses são os maiores interessados na venda de armas), para a compra de arma de fogo para ter a posse em casa ou no trabalho bastaria a apresentação da Negativa de antecedentes criminais para efetuar a compra, sem passar pela Polícia Federal/Civil.

  31. marcelo mota dos reis disse:

    Isso e coisa do ministro da defesa acabou com a pmba e vai acabar com as forcas armadas

  32. jose luiz disse:

    o exercito nao e culpado, e sim nossos governantes, que facilitam os maus intencionados e as pessoas de bem ficam descriminado e forcando a clandestinidade aumentando cada vez mais a marginalidade nesse pais.

  33. Sérgio Magalhães disse:

    Ontem os repórteres estavam mostrando bandidos com pistolas 45, fuzis etc. Ou seja, até os repórteres da tv sabem encontrar armas ilegais, só nossas “autoridades” que não sabem!
    Além desta vergonha, ainda querem sempre desarmar a população honesta!

    De que lado essas “autoridades” estão afinal?

  34. Jean Lamim disse:

    Quanta gente falando besteira sem nem saber como isso funciona.

  35. Leandro Avila disse:

    Bom dia Lucas Silveira.

    Agora que o certificado de registro eletrônico está fora do ar, como faço para praticar airsoft usando uma gbb legalmente???

    Precisarei de cr ou somente da nota fiscal da arma???

    Se ainda for preciso o uso do certificado de registro, como faço para ter o meu???

    Desde já agradeço!!!

  36. joselino disse:

    moro em uma favela do rio de janeiro, la eu conseguiria varias armas ilegais sem essa tal de CR, mais quanto mais voce tenta andar certo , o governo com sua burrocracia te joga pra ilegalidade ainda passei um ano nesse exercito brasileiro, ganhei diploma de honra ao merito carta de apresentaçao do comandante e to vendo que nao me serviu pra bosta nenhuma e pais de fldp.

  37. Victor Pereira disse:

    Tem que fazer uma denúncia para o ministério público federal para entrar com uma ação civil pública contra os responsáveis pelo sistema. Triste termos um direito e não podermos usufruir dele pela má gestão…

  38. Roger Mass disse:

    Alguem sabe informar se a emissão de CR esta normal? sou de SP e aguardo desde Julho/14 quando entrei com processo em um despachante.

  39. Thiago disse:

    Alguém sabe quanto tempo leva para tirar CR em Brasília?

  40. Daniel Gadelha disse:

    Tenho CR a 6 anos, e agora o EB esta botando dificuldade para renovar, detalher a penas uma arma curta, mais o que Eu culpo sao os clubes com seu quadro jurídico fraco ou sem nenhum.

  41. Rafael disse:

    Alguém deve estar ganhando uma propina absurda em cima disso tudo pode ter certeza.
    Comprar uma arma automática no brasil é mais fácil e mais barato do que comprar um airsoft e nenhuma lei faz nada, vai entender.
    Isso se não for a própria lei q anda desviando as armas reais para o crime organizado.
    Ande certo no brasil e vc não conseguirá nada, agora ande errado pra ver, vc conseguirá conquistar o país inteiro, esse é o lema.
    E o da bandeira: desordem e retrocesso. País abandonado.

  42. José disse:

    A burrocracia no Brasil é uma coisa assim absurda….pra que facilitar se podem complicar… quinhentas mil exigências pra se ter uma concessão …muitas pessoas encontram dificuldades para fazer a documentação e recorrerem a despachantes que aproveitam da situação e chegam a cobrar até 1500,00 pra tirar ou revalidar um CR. O cidadão de bem tem que provar em todas as justiças que não é bandido….ridículo…isso quem deveria verificar era eles através de seu RG…. O CR era revalidado todo ano…depois passou pra dois anos…como não davam conta, passaram para 3 anos…. O ideal é 5 anos como a carteira de habilitação. O sistema eletrônico desde sua implantação foi um fracasso e prejudicou aqueles que não tinham habilidades com informática e beneficiou despachantes. Hoje estive na 5CSM em Ribeirão Preto SP, o atendimento… eu classifico como péssimo, tinha apenas um sargento atendendo das 9:30 ás 11:30 , havia 10 pessoas para serem atendidas…nove eram despachantes ; pasmem…o atendente não tinha capacitação para atender… ele não sabia nada…levantava da cadeira toda hora e ia na sala perguntar ao tenente . Estamos fritos….

  43. João Paulo disse:

    Agora o problema ‘e a falta de papel moeda para registro !!!!! Lamentável a situação do exército em nosso Brasil!!!!

  44. jean disse:

    Alguém pode me falar como girar a CR hoje??

  45. Renato disse:

    Estou querendo tirar CR para armas de pressão (AirSoft) e é extremamente complicado!

  46. Williams Nascimento disse:

    Essa é mais uma forma de encorajar os Brasileiros de a praticar atos ilegais mesmo contra sua vontade, se o cidadão quer tirar seu registro é porque ele pretende estar dentro da lei, mas estamos falando de um país de terceiro mundo o qual força o cidadão sempre ir de encontro a lei. Sentimento de vergonha.

  47. Luiz disse:

    É uma vergonha o exercito ja não faz nada e ainda tirar o previlegio de pessoas que querem estar dentro da lei, eu por exemplo sou um colecionador, a tempos querendo tirar o CR, e agora mais uma vez dificultam para aqueles que são bons, enquanto os trombadinhas fazem o que fazem e andam mais armados que o proprio exercito, agora se fosse para melhorar para os governantes, essa corja de corruptos ja estava tudo resolvido. Essa burocracia so existe para o povo, uma vergonha so podia ser no brasil mesmo esse paisinho, me desculpem sei que o país não tem culpa e sim esse bando de larápios e corruptos e tbm esse exercito que não sei pra que serve.

  48. Sergio Ricardo disse:

    A questão da CR, apenas foi para dificultar o acesso ao Simulacro de Armas, mas não podemos pagar por pessoas que as usam em delitos e ou situações inoportunas de ameaças……..
    Hoje tenho 03 pistolas de pressão, ás uso como brincadeira e
    Tiro Esportivo….
    SUGIRO QUE,:::: QUEM TIVER SUAS ARMAS DE SIMULACRO (PISTOLAS DE PRESSÃO OU DE CO2, FUZIS E OUTROS),,,,,, POSSAM IR AO EXERCITO BRASILEIRO E SE REGISTRAR COMO “TIRO ESPORTIVO”,,,,,,,,,,,,
    ESTARIAMOS MAIS SEGUROS CONTRA APREENÇÕES……

  49. Almeida santos disse:

    Essa burocracia só desprotege a população ao enves de proibir o Cidadão de bem de tirar o porte deviam pesar e lei sob os criminos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*