Em 2003, Polícia Federal lutava contra o desarmamento

Lucas Silveira é presidente do Instituto DEFESA

Lucas Silveira é presidente do Instituto DEFESA

Milhares de brasileiros morrem anualmente vítimas de homicidas, latrocidas, sequestradores e outros criminosos, sem ter a menor possibilidade de se defender. Pais assistem inertes à marginalidade levar a vida de seus filhos, por terem negado o direito de responder os ataques com a proporcional força. Empreendedores vêem seus patrimônios dilapidados por ladrões. Roubos de cargas, estupros, ameaças e atentados crescem, e o brasileiro é refém de uma legislação distante do interesse público.

Não bastasse o teor draconiano do Estatuto do Desarmamento – que invariavelmente será revogado -os cidadãos ainda dependem de um suposto poder discricionário concedido à Polícia Federal para a concessão ou não do porte de arma. Na prática, isso gera corrupção e abusos. Entre duas alternativas de interpretação possíveis, a regra é a decisão pela pior delas, o impedimento do exercício de um direito natural.

Nem sempre foi assim. Até 2003 o Departamento de Polícia Federal trabalhava para impedir o recrudescimento das normas relacionadas a armas de fogo no Brasil. Na sua Cartilha de Armamento e Tiro, logo na primeira página, havia um manifesto contrário a política desarmamentista.

Confira o vídeo e o texto abaixo.

O BRASIL quer a Polícia Federal de volta! from Instituto DEFESA on Vimeo.

“Se alguém empunhar a arma e acionar o gatilho, e a arma não tiver gatilho, não tentará o corte?

E se a arma não tiver fio, não tentará uma estocada?

E se a arma não estiver pronta, não tentará uma pancada ou um arremesso?

E se a arma não tiver massa suficiente, não tentará envenenar, esmurrar, estapear, enganar, sufocar, chutar, morder?

Vamos, então, banir os venenos, as lâminas, os estoques, as clavas, as pedras, as mãos, os pés, os dentes, etc, e resolver o problema da violência. Desta forma, resolveremos a questão e não será mais necessário gastar energia e vontade buscando outras explicações e desenvolvendo soluções! Se não der certo, aí pensaremos no próximo passo!

Os contundentes posicionamentos que a arma de fogo têm provocado são, no mínimo, românticos, como se repentinamente ela tivesse se tornado o grande e único problema da humanidade, responsável por todas as atrocidades sociais e políticas que tanto mascam a história do homem, como se a miséria, a fome, os acidentes de trânsito, as drogas e outras coisas mais também não matassem. Eliminar do nosso cenário, como num passe de mágica, a arma de fogo e todas as outras armas e perigos, principalmente a ganância e loucura humanas, seria ótimo, se fosse possível.” (Cartilha de Armamento e Tiro da Polícia Federal, 2003)


Publicado em História
32 comentários sobre “Em 2003, Polícia Federal lutava contra o desarmamento
  1. Marcio disse:

    O que será que os fez mudar tanto o seu posicionamento?

    • Arnaldo Adasz disse:

      É normal que um órgão infra ministerial, como é o caso da Policia Federal, se alinhe com os desígnios do Poder Executivo, a quem são indiretamente subordinados.
      Mas é uma pena que isto aconteça da forma como hoje podemos observar, com inobservância da lei, do regulamento e até das próprias IN da Polícia Federal.
      Permitiram que uma ideologia de esquerda suplantasse a obrigação profissional.

  2. Danicke Avelino disse:

    Eu me sinto no mínimo impotente,pois sou vigilante e dentro do meu horário de expediente onde tenho direito de zelar pelo patrimônio,pela minha vida e pela vida de terceiros,quando encerrado meu expediente e indo pra casa,não tenho o direito de zelar pela minha vida no caminho casa trabalho,trabalho casa. Que direitos são esses?

  3. Luiz Maranhão disse:

    Utopia imaginar uma sociedade sem armas, haja vista que toda paz e forjada pelas armas. Muito atual o texto, ainda que de 2003, publicado pela mesma instituição que hoje ceifa os direitos mais basilares do cidadão brasileiro: o direito a vida!

  4. Ivan EUko disse:

    Quando houve o referendo sobre o desarmamento, fui votar com uma camiseta com os seguintes dizeres: ARMAS NÃO MATAM…PESSOAS MATAM; na porta da escola onde eu votava, havia uma viatura com tres policiais, onde um deles me olhou com olhar de reprovação…fui conversar com eles e espero ter convencido o policial que diferentemente dos seu colegas, concordavam comigo…arma maior é a língua, a caneta…

  5. Paulo Araujo disse:

    A grande realidade e que buscando fazer um controle da violência através do desarmamento a mesma aumentou e o descontrole hoje existe… pois se a autoridade acha que o cidadão cumpridor de seus deveres e obrigações pagante de impostos cumpre todas as solicitações legais e tem sua arma ou porte negado busca imediatamente na ilegalidade uma alternativa.
    Com isso o estado não tem mais o controle pois arma registrada cidadão com porte E RASTREADO… armas frias não… portanto alimentaram o contrabando e a ilegalidade…um tiro no pé.
    Pessoa alguma vai abrir mão da legítima defesa por questões ideológicas desse ou daquele partido no poder e uma utopia o desarmamento. Os nobres delegados sabem disso e a legalidade e o melhor caminho para um efetivo controle das armas nas mãos das pessoas de bem. As que não querem ter… não tenham mas não impeçam as que querem assumir essa responsabilidade todo direito traz obrigações e quem quer um tem que cumprir o outro. Somos sabedores disso e responsáveis.
    Fim desse fracassado estatuto do desarmamento e ordem e legalidade no armamento do homem de bem.

    • Diogo Martin disse:

      Parabens Sr. Paulo Araujo; é exatamente isso que estará acontecendo, caso não caia por terra esse Estatuto do Desarmamento. Não podem nos impedir em proteger nossas vidas, da família e nossa propriedade. A criminalidade cresce dia a dia, com a participação de Menores de Idade, inclusive meninas e mulheres.Temos que aprovar a PL 3722/12.
      Quero aqui, enaltecer o brilhante trabalho do Presidente do Instituto Defesa, Sr. Lucas Silveira.
      Atenciosamente
      Diogo Martin.`.

  6. Jose leonio da silva disse:

    sou vigilante

  7. Valmir Barbosa de Farias disse:

    Agora está aumentando o índice de violência por instrumentos cortantes qual será a atitude que o governo vai tomar?
    Prender o cidadão dentro de casa dentro de seu comércio? Só falta agora isso pois não temos mais direito a defesa

  8. EDERSON ANDRE FAORO disse:

    se as pessoas de bem da sociedade não podem portar arma,
    porque o indice de mortes, assaltos e a violencia não diminuem.
    estamos na contra mão.
    nossos deputados senadores e a presidenta parece que querem nos fazer refem da criminalidade.isso tem que mudar

  9. bruno disse:

    Boa noite.

    Caro Lucas,

    Dada a atual conjuntura e o que andei lendo por aqui sobre os abusos discricionários da PF, não acreditaria que esse texto fosse de autoria da própria PF se ele tivesse sido publicado em outro lugar…Isso nos mostra que governos esquerdistas são altamente prejudiciais às instituições.

  10. Funkeiro Poser disse:

    A quadrilha corruPTa já comprou a PF e o Exercito Brasileiro, estamos fufu…

    • antonio disse:

      Segundo Simom Bolivar
      “Mas custa manter o equilíbrio da liberdade, do que suportar o peso de uma ditadura”
      outra, “O povo deve ser guiado pelo seu superior”
      TODOS OS CHEFES DE POLICIA DO GOVERNO SÃO BOLIVARISTAS
      Caso eles não concordem são transferidos para o fim do mundo ou colocados dentro de uma sala sem janelas granpeando folhas de papel
      “Esse é o Brasil onde as pessoas acreditam que são livres”

  11. Mauro disse:

    Merece um adesivo…

  12. Mauro disse:

    Porém, é um texto meio longo…

  13. Nelson Martins de Assis Brasil disse:

    Olá Lucas, eu te digo o que mudou na atitude da PF: ela quer o controle da reserva de poder que hoje ainda está em mãos do Exército (repartida com os bandidos). Esse perigo é mortal. Teremos uma GESTAPO ou KGB aqui dentro aterrorizando as pessoas de bem. Já sofremos com o terror dos bandidos, vamos sofrer também o terror da polícia. Será uma enormíssima concentração de poder em mão erradas. LEMBRE-SE, O CONTROLE DO ARMAMENTO EM MÃOS DE CIVIS HONESTOS É MERO JOGO DE PODER, NADA TENDO A VER COM NOSSA SEGURANÇA. Com o controle do armamento em mãos da PF teremos a soma AMEAÇADORA: PODER DE POLÍCIA MAIS CONTROLE DAS ARMAS DE GENTE HONESTA. Por enquanto o poder de polícia da PF tem o contrapeso de a reserva de poder que controla o armamento estar em mão do Exército. O perigo ainda não é tão grande. Mas com essa eventual transferência do controle do armamento para a PF – coisa que ela e o PT cobiçam com muita ansiedade – teremos aberto o caminho para uma ditadura brutal. Tipo Rússia ou Alemanha Nazista. Abraço.

  14. Manoel do Carmo Silva disse:

    Bom dia a Todos
    Atualmente vivemos em uma guerra urbana e os governos estaduais e
    federal ignoram os fatos, enquanto a violencia aumenta na vertical.Por isso quero agradecer ao nobre deputado Peninha pelo
    seu pronunciamento pelo direito a legitima defesa dos cidadãos.
    É MELHOR SER JULGADO POR SETE DO QUE CARREGADO POR SEIS.
    Não é apologia a VIOLENCIA,mas é um direito contitucional.

    Obrigado deputado. MCS

  15. Antonio Carlos da Costa Andersen disse:

    Caro Lucas, e amigos que aqui escrevem, conheço diversas pessoas que praticam variados tipos de artes marciais, poe esporte, saúde e lazer, e etc., que não machucariam ninguém a não ser em estrito direito de defesa, eu inclusive, porém ao ter de defender-me e a minha esposa de um ataque EM QUE NÃO PROVOQUEI O CIDADÃO QUE ESTAVA EMBRIAGADO, aplicando-lhe apenas uma chave de braço necessária para conter o ânimo do simpático bebum, que cismou que eu era uma pessoa que ele conhece e que lhe era desafeto, pasmem amigos que escrevem nesta coluna e amigo Lucas, fui censurado por um raio de um pastor dito evangélico, dizendo que eu não devia ter maltratado o simpático bebum, e que ESTAVA ERRADO em tomar esta atitude, pois bem, abram as portas de vossas casas e não se defendam, pois o dito pastor evangélico vai ficar magoado com vocês, deixem o simpático bebum agredi-los bem como as vossas esposas ou entes queridos, para não magoarem ninguém, senão como já escrevi a tempos atrás vocês serão maus meninos e não ganharão presente de papai noel no natal. Em tempo junto com o pastor estavam pessoas da Igreja dele em atitude ameaçadora e que tive que igualmente faze-los entender que eu iria enfrenta-los FOSSE DE QUE MANEIRA FOSSE. Pois não concordo com esta atitude de vaca de presépio que o governo, a igreja e outros querem que fiquemos. Em tempo, não sou adepto de que usemos qualquer tipo de treinamento tático ou técnico para violência gratuita, mas sim para edificarmos um mundo e uma sociedade melhor. Abraços a Todos.

  16. Raphael Souza de Melo disse:

    Infelizmente eu acredito que a maioria dos integrantes da PF apenas cumprem ordens, já que a Instituição está subordinada ao Ministério da Justiça, que é apenas mais um braço desse governo lulopetista.

  17. jose aparecido da silva disse:

    eu sou contra o cidadao de bem nao ter o direito de se defender isso e governo do pt ja comprou a pl e exercito ok

  18. César disse:

    Lucas Silveira,

    Mais uma vez torno a postar um comentário feito por mim aqui em outro tópico.
    ” O Instituto defesa.org me representa integralmente como cidadão de bem, conhecedor e cumpridor das Leis”.
    Vamos fazer muita pressão popular e juntos revogar o Estatuto do Desarmamento! Por quê?
    Porque JUNTOS somos INVENCÍVEIS!

    Força e Honra!

  19. Antonio Carlos da Costa Andersen disse:

    Caro Amigo Lucas e Outros que aqui escrevem, a Policia Federal deveria deixar de lado esta atitude retrógrada e se alinhar ao lado do cidadão honesto, e forçar o Exército e as ditas autoridades a liberarem os calibres e os portes de armas, desde que o cidadão cumpra determinados requisitos de escolaridade, manuseio, conhecimento sobre a arma pretendida, bem como os exames médicos e psicológicos necessários, pois fatos acontecidos em Los Angeles na década de 80 provaram que o cidadão consciente e bem treinado, não é um estorvo e sim uma ajuda , POIS NÃO HA POLICIA ONIPRESENTE NEM ONISCIENTE EM QUALQUER LUGAR DO NOSSO PLANETA. Quem também deve deixar de lado estas besteiras é o Exército, QUE TAMBÉM NÃO É ONIPRESENTE NEM ONISCIENTE EM QUALQUER LUGAR DO NOSSO PLANETA. cARO AMIGO LUCAS E Outros, PERDOEM-ME PELA PIADA, MAS ESTOU COMEÇANDO A SENTIR SAUDADES DO SIMPÁTICO BEBUM QUE TENTOU AGREDIR A MIM E A MINHA ESPOSA. Dentro do pileque, ele deve ser feliz à sua maneira.

  20. César disse:

    Lucas,

    O desarmamento no Brasil nunca foi a intenção do Governo de FHC, Lula e Dilma manter a segurança da sociedade, mas sim a do criminoso comum e do crime organizado!
    Em decorrência disso penso que o Instituto Defesa juntamente com Deputados que reconhecem o nosso Direito de defesa a vida e a propriedade deveriam se unir e promover ainda mais o ativismo pró armas.
    Não esperemos que dos atuais governantes esse Direito (mesmo que legitimamente garantido na Carta Magna de 1988), seja fácil a nossa Vitória.
    Você já deve ter assistido um vídeo que o Deputado Bene Barbosa postou no perfil dele nas redes sociais sobre a cara deslavrada de uma delegada (nada mais do que uma burocrata da Polícia Federal) que recebe um alto salário em função dos impostos pagos por cidadãos de bem que ela mesma tira o Direito de defesa da vida e da propriedade com o indeferimento descarado de pedidos de posse e porte de arma de fogo.
    A Sociedade não pode mais permitir esse tipo de abuso de Poder e coibir esse tipo de coisa indo pra rua, televisão, jornais.
    As máscaras dessas pessoas não podem permanecer em seus rostos no atual momento em que o País vive de escândalos e corrupção em TODAS as esferas do Poder.

    Abraços Gigante!

  21. Antonio Carlos da Costa Andersen disse:

    Caro amigo Cesar, concordo com você em gênero, número e grau, existem funcionários públicos, que dominam os seus subordinados com hitleriana mão de ferro. Trabalhei em minha vida desde o ano de 1968, até 2014, sendo nesse período 30 anos dedicado ao funcionalismo federal, e sendo também nesses 30 anos muito mau visto por meus superiores por não dobrar-me a eles. Continuarei torcendo pela vitória do Instituto Defesa, para desmascarar essa camarilha de petistas e esquerdistas, que são nada mais do que lobo travestidos de cordeiros. Em tempo acrescento nisso os pastores da marcha para Jesus.

  22. Alexandre disse:

    Sem contar a força paramilitar que o PT está montando junto com o Stédile e seu braço armado.
    Alguns milhares de haitianos, senegaleses dentre outros estão vindo para Porto Alegre e estados do sul e sudeste através do Acre. Somente homens em idade militar e reservistas, não existem velhos, nem crianças.
    Homens estes que ao serem chamados às armas, lutarão pelo PT por migalhas.

  23. Karion Minussi disse:

    Eu gostaria muito de encontrar um vídeo que foi postado no YouTube na época do Referendo do desarmamento (de 2004 ou 2005) onde aparecia o Min. Justiça, Sr. Tarso Genro, dizendo que a Polícia Federal não era favorável ao desarmamento de cidadãos e, que apenas cumpria as determinações da Lei…

  24. César disse:

    Sr Antonio Carlos,

    Entendo perfeitamente seu descontentamento e esse mesmo sentimento expressa a vontade e o desejo de quase 64% da população no qual me incluo.
    Ouço de pessoas que não apoiam o uso de armas de fogo que o brasileiro não está preparado para ter livre acesso às armas… vejo isso como uma desculpa esfarrapada daqueles que por medo ou covardia de defenderem suas famílias, tentam (de forma desesperadora), tolher nos o Direito de posse e porte de arma de fogo.
    Nós, cidadãos de bem, que somos conhecedores e cumpridores da Lei estamos prontos (psicologicamente/tecnicanente), para defender nosso patrimônio e nosso bem maior, a vida!
    O Instituto Defesa na pessoa do Sr Lucas Silveira nos representa como Sociedade que clama pelo Direito à paz, ao lazer, à liberdade e à segurança!

    Abraços,

    César Remi

  25. César disse:

    Lucas Silveira,

    Por gentileza, compartilhe esse link no site se já não o fez.
    Vamos fazer muita pressão popular para a Revogação do Estatutodo Desarmamento:

    http://www2.camara.leg.br/enquetes/resultadoEnquete/enquete/EFACA575-3AC4-4A69-96CC-C64F8B05A507

  26. Figueiredo disse:

    Congratulações a todos que lutam pelo direito à legitima defesa.

    Por varias vezes vejo textos que falam da postura da POLÍCIA FEDERAL e dos POLICIAIS FEDERAIS sobre o desarmamento.

    Vou colocar aqui minha humilde opinião, baseada na minha experiência profissional.

    Sou funcionário público a mais de 20 anos.

    Todos os cargos de confiança dos órgãos públicos são escolhidos por critérios políticos e não por mérito, sejam eles Federais, Estaduais ou Municipais.

    Quem escolhe o Diretor Geral da Polícia Federal é o Presidente da República. E este tem que seguir sua ideologia, se não for assim ele será exonerado, simples assim.

    Muitos perguntaram o que mudou na PF de 2003 para cá?

    Simplesmente o que aconteceu é que os professores de tiro da PF e a maioria esmagadora dos policiais federais é CONTRA O DESARMAMENTO.

    Então porque foi retirada a manifestação da apostila de armamento e tiro? Simples, algum chefe da ANP(Academia Nacional de Polícia), escolhido por razões políticas, viu o texto elaborado pelos professores e ordenou que fosse retirado.

    Vou escrever de novo em letras maiusculas, para que não haja dúvida:

    “A MAIORIA ESMAGADORA DOS POLICIAIS FEDERAIS É CONTRA O DESARMAMENTO”

  27. JOSIAS disse:

    QUE SAUDADE DA POLICIA FEDERAL DE 2003 OU ANTES….. QUE SAUDADE!
    HOJE A JUSTIÇA, O DIREITO E A HONESTIDADE NÃO É FERRAMENTA DA HONRA…. MAS O GOVERNO CONDUZ A LEI E A JUSTIÇA! E QUE “GOVERNO”… LIVRAI-NOS SENHOR DO MAL, AMÉM!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Próximos eventos
  1. Combat Rescue – Tactical Combat Casualty Care

    outubro 21 @ 8:00 - outubro 22 @ 17:00