Chefe da INTERPOL defende que cidadãos se armem

Após o atentado no Shopping Westgate no Quénia, Ronald Noble, Chefe da INTERPOL sugeriu armar os cidadãos como medida de prevenir novos atentados.

westgate

 

Em entrevista à ABC News, Ronald Noble afirmou que existem apenas duas maneiras de proteger “alvos fáceis” como os cidadãos de atentados. Ou se força um perímetro de segurança ou se permite que os cidadãos portem suas armas para se defender.

“A sociedade precisa decidir como quer encarar o problema. Uma forma é assumir que queremos uma sociedade armada. Pode-se ver uma razão para isso. Outra forma é fazer um enclave tão seguro que para acessar os cidadãos é necessário passar por uma segurança extraordinária”. – Afirmou Noble

“Como você protege alvos fáceis? Isso é um grande desafio. Não se pode ter policiais armados em todos os lugares.” – Complementou Noble

Para concluir a linha de raciocínio, o Chefe da INTERPOL ainda incentivou os leitores a se questionarem se o atentado ao shopping teria o mesmo desenrolar se tivesse ocorrido no Texas.

 

Com informações de ABC News: http://abcnews.go.com/Blotter/exclusive-westgate-interpol-chief-ponders-armed-citizenry/story?id=20637341

 


Publicado em Notícias
3 comentários sobre “Chefe da INTERPOL defende que cidadãos se armem
  1. rinaldo frança da silva disse:

    devemos nos prepara ante de compra qual que arma

  2. PAULO BORDALLO disse:

    O BRASIL JÁ SUCUMBIU AO CRIME, COM A OMISSÃO DAS “AUTORIDADES”. O JEITO É CADA CIDADÃO DE BEM TER SUA ARMA DE DEFESA PESSOAL.
    QUALQUER OUTRA IDEIA É MERA HIPOCRISIA, UTOPIA, INGENUIDADE!

  3. Emanoel disse:

    Essa prática aqui no Brasil , esta mais que na hora de ser ADOTADA , POR TODO O CIDADÃO DE BEM , que estiver apto para portar arma de fogo!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*