Arquivo do blog

II Encontro do Instituto DEFESA na Bahia aconteceu no CBT

No último dia 16 de setembro o Clube Baiano de Tiro, em Lauro de Freitas/BA, recebeu o II Encontro do Instituto DEFESA.

A primeira edição, que ocorreu em Salvador, já havia movimentado a população baiana em torno das armas, mas desta vez os participantes puderam não apenas assistir às palestras relacionadas a armas, ministradas por Ângelo Matos (Presidente do CBT), Eduardo Azeredo (Papo de Atirador) e Lucas Silveira (Instituto DEFESA), mas também puderam experimentar o tiro com várias armas.

A inscrição para o evento foi apenas alimentos não perecíveis, que serão brevemente destinados a uma entidade carente da região. Foram recolhidos cerca de 150 kg de alimentos.

Cerca de 100 pessoas passaram pelo encontro durante a o evento, que durou aproximadamente 5 horas, entre palestras, bate papo, e tiros.

Os Encontros do Instituto DEFESA acontecem em todas as regiões do Brasil. Não deixe de participar do próximo.

Confira algumas imagens:

Exposição de armas ajuda casa para especiais

O CEACC, clube de tiro em Brasília/DF, recebeu nos últimos 25 e 26 exposição de armas Taurus, organizada pela Guardião Defesa.

O evento contou com a participação de cerca de 1.000 pessoas que fizeram doações para a Vila do Pequenino Jesus, uma casa que acolhe pessoas especiais de todas as idades.

Confira  imagens e não deixe de participar do próximo.

Saiu o novo R-105 – E continua péssimo

R-105 é o decreto de origem do Exército Brasileiro (COLOG), responsável pelo desarmamento do cidadão no Brasil. Muita gente não sabe, mas a esmagadora parte das restrições a armas em vigor foram inventadas e são mantidas pela força armada, e não pelo Congresso Nacional.

O Instituto DEFESA alertou, em 2015, para a criação pelo então General Theophilo – hoje candidato ao Governo do Estado do Ceará pelo partido desarmamentista PSDB – do texto que substituiria o R-105 atual  (Decreto 3.665/2000).

Embora o político militar já tenha se afastado das funções, os frutos podres de sua gestão continuam a surgir, a exemplo do novo Decreto.

O novo texto, sob o nome de DECRETO Nº 9.493, DE 5 DE SETEMBRO DE 2018, mantém boa parte das restrições da norma revogada, e institui novas medidas restritivas, antes previstas apenas por portaria, a saber:

  • Mantém a ficção de calibres e armas restritas e permitidas
  • Restringe indiretamente o porte de arma do atirador, descumprimento as promessas do candidato do PSDB
  • Confunde colecionismo com antiquário
  • Mantém a divisão entre atiradores, colecionadores e caçadores
  • Segue exigindo habitualidade e filiação obrigatória
  • Mantém restrições a importações de armas e a criação de novas indústrias no Brasil
  • Proíbe silenciadores
  • Desrespeita a Constituição (Art. 217) a considerar o tiro como “esporte formal”

Ainda é preciso fazer melhor exegese do texto, mas a leitura superficial corrobora seu caráter restritivo e agressivo contra o cidadão brasileiro.

Conforme reiteramos desde o início da fundação desta entidade, é impossível esperar que a liberdade de acesso às armas venha de quem detém o poder – e as armas. O direito de se defender apenas será plenamente conquistado quando o povo – e não os políticos (travestidos de militares ou não) – fazer valer o princípio de que todo o poder emana dele.

Leia aqui o Decreto 9493/18 – O novo R-105 na íntegra

 

Mais do que nunca é importante que você se filie ao Instituto DEFESA. Vamos combater juntos os desmandos da classe política sobre este direito que deve ser de todos, de ter e portar arma.

Instituto DEFESA participa do Motoshow em Botucatu

A terceira edição do Motoshow acontece nos dias 24, 25 e 26 de agosto de 2018 no Shopping Botucatu, no interior de São Paulo.  O encontro de motociclistas espera reunir cerca de 40 mil pessoas nos três dias, que envolvem shows de bandas locais e das famosas Ira e Capital Inicial.

O Tactical Shoot Clube de Tiro, grande parceiro do Instituto DEFESA, assegurou um espaço para divulgarmos o ativismo pró-armas em um dos estandes, que incluem lojas, barbearias, restaurantes e, logicamente, empresas do setor de motos.

O estande do Clube merece um destaque especial. Além de ter produtos relacionados à venda, disponibilizou uma baia para tiro com arma de pressão, possibilitando a todos experimentar a brincadeira.

No estande do DEFESA é possível adquirir produtos da loja, fazer filiações e, obviamente, bater um papo sobre o cenário do direito de acesso às armas no Brasil.

Programação:

Sexta Feira – A partir das 15:00

Banda ANGELINA SPITFIRE, Banda CALIBRADOS, IRA!,

Sábado – A partir das 9:00

Equipe ProTork Alto Giro,  Show Banda EUTHANASIA, Banda 5150 (VAN HALEN cover),  Banda ROTOR (U2 e BON JOVI cover), Banda FEVER (AEROSMITH cover), CAPITAL INICIAL!

Domingo – A partir das 9:00

Banda SCROOGE.COM,  Equipe ProTork Alto Giro, Show Banda TN&SHE (AC/DC Cover), Banda IRON LADIES (IRON MAIDEN Cover)

E mais:

– Encontro Paulista de HAYABUSA

– Passeios de Limousine

– Camarote Open Food (com bar e banheiros)

– Camarote VIP (com bar e banheiros)

– Mega estrutura profissional, Palco, som e iluminação de ultima geração

– Area com mesas

– Motos de todos estilos

– Praça de alimentação do Shopping

– Será proibida a entrada com bebidas

– 7000M² de área Total + área de sombra

Campanha Nacional de Doação de Sangue 2018 tem participação expressiva

Pela primeira vez, em 2018, objetivando fazer o melhor uso de sua extensa capilaridade de alcance, o Instituto DEFESA organizou a Campanha Nacional de Doação de Sangue.

Atiradores de todo o Brasil foram convidados a se dirigirem a postos de coletas mais próximos de suas casas e fazerem suas doações no dia 2 de agosto. Na prática, contudo, doadores compareceram aos bancos de sangue antes e depois deste dia.

Ainda durante a edição desta matéria, continuamos a receber mais fotos dos nossos membros fazendo este importantíssimo gesto de solidariedade. É difícil chegar a um número exato de doações, mas certamente podemos contribuir com algumas dezenas de litros de sangue que certamente podem salvar muitas vidas.

Você ainda pode doar na campanha de 2018 e nos ajudar a divulgar a Campanha de 2019. Faça a sua parte.

Confira algumas imagens:

Walter Oliveira

Thales HSR

Saymon Velasques

Samuel Correia Lopes

Rubens Instagram: @r1bens

William Ernane

Instagram @mylenaever

Micael Josemberg

Mayito A E

Marcos Roberto Pereira de Souza

Mailthon Ritter Gil

Luiz Insta: @pstraining45

Luciana Valle

José Amaro

João Venâncio Franco

 

Henrique Succi

Flávio Costa Silveira

Fernando Cucato

dorio filho e amigo

Daniele Alves

Claudia Palota

Charles Clayton

Arthur

Angelo Pericolo

III Encontro Catarinense do DEFESA aconteceu em Criciúma

O Clube de Tiro Alberto Scheidt, em Criciúma/SC, recebeu no último final de semana a terceira edição do Encontro Catarinense do Instituto DEFESA.

Como de praxe, os encontros do DEFESA reúnem cidadãos que compartilham o interesse no direito de acesso às armas ou que desejam entender melhor as consequências do desarmamento e o que se propõe no Congresso para mudá-lo.

O clube, que tem uma estrutura fantástica – capaz de receber desde os atletas de tiro ao prato até os atiradores de armas curtas, constituindo-se um dos melhores espaços do estado –  foi visitado por cerca de 100 pessoas que tiveram a oportunidade de ver a exposição de armas Taurus e assistir a palestras com o Sgt. Hoffmann, sobre a segurança privada, e Lucas Silveira, sobre o Instituto DEFESA e o desarmamento no Brasil.

A inscrição para o evento foi 1 kg de alimento não perecível, que será entregue a uma entidade carente local, a ser escolhida pelo organizador do evento, Alex Machado, e pela diretoria do Clube.

Confira algumas imagens e não deixe de participar do próximo. Participe do grupo do estado no Whatsapp para saber  mais: https://chat.whatsapp.com/ENnn1K4htk99FhDHKFpgDc

 

 

 

Cidadãos tem 400 milhões de armas. Militares tem apenas 4 milhões e meio.

Lucas Parrini

Lucas Parrini é colaborador do Instituto DEFESA e curioso em criminologia e assuntos relacionados a combate e segurança.

Cidadãos comuns nos EUA possuem aproximadamente 400 milhões de armas de fogo, de acordo com a pesquisa publicada esta semana pela Small Arms Survey, onde constatou que as armas de fogo em posse do cidadão é absurdamente superior a dos policiais e militares.

Para termos idéia, de acordo com a pesquisa, do total de mais de 1 bilhão de armas de fogo no mundo, 393.300.000 pertencem ao cidadão norte-americano.

Em compração, os militares norte-americanos possuem aproximadamente 4,5 milhões de armas, e todas as polícias estaduais e locais juntas somente um pouco mais de 1 milhão. Além disso, a propriedade de armas particulares continua a subir nos Estados Unidos.

De acordo com o FBI e suas checagens de antecedentes criminais, cidadãos compraram mais de 2 milhões de armas somente no mês passado. Em todo o ano de 2017, mais de 25 milhões dessas checagens – necessária toda vez que for comprar uma arma – foram feitas pelo FBI.

Ao mesmo tempo que esta posse nos EUA aumenta, pesquisadores sugerem que esta tendência afeta o mundo inteiro, onde o número de propriedade de armas também aumenta.

“No final de 2017 existiam aproxiadamente 1 bilhão de armas de fogo em 230 países e regiões independentes, onde 84,6% eram de propriedade de civis, 13,1% dos militares e 2,2% das forças de segurança pública.” foi relatado na pesquisa.

O total de 1 bilhão de armas superou o total de 2006, que era de 875 milhões, além disso, o número de armas identificáveis subiu 15,7%. Essa mudança se deve muito ao fato da estimativa de aumento de 32% das armas de civis. O percentual em relação ao militares e polícias apresentou uma pequena queda, nada considerável, possivelmente estimulada pela mudança de procedimentos.
O país mais próximo dos EUA em números absolutos de armas nas mãos de cidadãos é a índia, com 70 milhões.

Rússia possui um número maior de armas nas mãos das polícias e militares do que os EUA. As polícias de Moscow por exemplo, possuem 2,4 vezes mais armas do que as dos EUA e os militares russos possuem 6,7 mais armas do que os militares norte-americanos.

A pesquisa alerta também que apesar das estimativas, os números podem não ser perfeitamente precisos. A organização responsável utilizada dados de governos, relatórios de agências estatais, consultas a dados militares e também coleta de dados em pesquisas privadas.
Ressalta também que por motivos óbvios, as armas não registradas e as ilegais não foram inclusas nas estatísticas.

“A maioria das armas são propriedade privada, o que torna o registro de dados em cima dos números exatos um verdadeiro desafio. Registros oficiais provém a maior parte dos dados, mas é importante lembrar que eles não nos mostram todas as armas nas mãos dos cidadãos.” diz o pesquisador.

 

Link da pesquisa:
http://www.smallarmssurvey.org/about-us/highlights/2018/highlight-bp-firearms-holdings.html

Tradução livre do site:
https://americanmilitarynews.com/2018/06/us-civilians-own-400-million-guns-compared-to-militarys-4-5-million-survey-shows/

Juiz de Direito Ricardo Lopes fala sobre desarmamento

Campanha Nacional de Doação de Sangue

 

Dia 2 é Campanha Nacional de Doação de Sangue do Instituto DEFESA. Dirija-se até o posto de coleta mais próximo e faça sua doação.

Não se esqueça de tirar uma foto e nos enviar para publicarmos. Isso é muito importante para incentivar os próximos!

Doe sangue!

Linha de canecas colecionáveis sobre armas

Agora você pode encontrar na nossa loja parceira, Manias Táticas, a pronta entrega, o primeiro modelo de nossa linha de canecas colecionáveis do DEFESA, com o tema armas.

O primeiro item da coleção vem com o símbolo do defesa e com a frase “É impossível escravizar um povo armado”

Confira algumas fotos e acesse o link abaixo para garantir a sua. A tiragem é única e o estoque é limitado.

 

Clique aqui para comprar

 

Próximos eventos
  1. Curso IAT – Instrutor de Armamento e Tiro – TNT Cursos

    setembro 13 @ 8:00 - setembro 23 @ 17:00
  2. 1º Workshop de Segurança Privada do Estado de Goiás

    outubro 6 @ 8:00 - outubro 7 @ 17:00